Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
38 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 56825 )
Cartas ( 21161)
Contos (12584)
Cordel (10011)
Crônicas (22151)
Discursos (3132)
Ensaios - (8953)
Erótico (13387)
Frases (43341)
Humor (18382)
Infantil (3751)
Infanto Juvenil (2630)
Letras de Música (5464)
Peça de Teatro (1315)
Poesias (138023)
Redação (2918)
Roteiro de Filme ou Novela (1053)
Teses / Monologos (2394)
Textos Jurídicos (1923)
Textos Religiosos/Sermões (4765)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Poesias-->A UMA JOVEM MULHER -- 18/10/2005 - 14:13 (João Ferreira) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos




A UMA JOVEM MULHER



Jan Muá

18 de outubro de 2005



O ar de festa estava em teus cabelos soltos

Caídos sobre os ombros

Acarinhando o nu da pele jovem

De teus seios redondos e túmidos



O ar de festa circulava nesse conjunto expresso

De braços caídos

E no canto de gracilidade pujante

Que teu corpo inteiro agora figurativo

Enviava soberano desde as curvas

Que apimentavam a textura do tronco



O ar da festa surgia de todo o movimento

Que seduzia os olhos

E circulava corpo acima e corpo abaixo

Destacando a expressão erótica das saliências torneadas

Que se desprendia dos seios até ao púbis e ao bumbum



O ar da festa estava nesse nu artístico

E no strip ousado de tuas malícias expostas

E desenhadas

Como numa badalada exposição burguesa

Onde os ventos da crônica sempre detalham

Especificidades



Num momento solene como este

A feminilidade de teu corpo jovem avulta

Perfuma e enlouquece todo o ambiente

E distribui efeitos eróticos e venenosos

Que tumultuam a cabeça de numerosos admiradores!



Jan Muá

18 de outubro de 2005

Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Seguidores: 73Exibido 471 vezesFale com o autor