Usina de Letras
Usina de Letras
   
                    
Usina de Letras
76 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 55051 )
Cartas ( 21061)
Contos (12130)
Cordel (9565)
Crônicas (21226)
Discursos (3108)
Ensaios - (9913)
Erótico (13135)
Frases (39980)
Humor (17551)
Infantil (3562)
Infanto Juvenil (2309)
Letras de Música (5414)
Peça de Teatro (1311)
Poesias (135727)
Redação (2875)
Roteiro de Filme ou Novela (1035)
Teses / Monologos (2374)
Textos Jurídicos (1913)
Textos Religiosos/Sermões (4205)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Crônicas-->ADRIÃO NETO: UM ESCRITOR PREDESTINADO -- 14/11/2003 - 00:40 (Adrião Neto) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
ADRIÃO NETO, UM ESCRITOR PREDESTINADO

Moura Lima *

Adrião Neto é um desbravador de fronteiras culturais. Não mede esforços em prol da cultura brasileira, especialmente do Piauí. A sua ação se reveste de atos apoteóticos de abnegação, numa república agonizante, onde os detentores do poder deleitam-se no lamaçal da corrupção e das orgias dos gastos públicos, em detrimento dos valores maiores da evolução do homem, que é, sem dúvida, o avanço cultural!
E Adrião Neto, da sua trincheira redentora, com o Dicionário Biobibliográfico de Escritores Brasileiros Contemporâneos às mãos, como um estandarte de esperança, contra a ação nefasta da globalização destruidora dos valores culturais dos povos, vem como um predestinado unindo as ilhas culturais do país. E este ato sacrossanto o coloca no ápice, de Norte a Sul, do Oiapoque ao Chuí, como a figura mais popular da cultura do Piauí. E no âmbito das suas realizações de escritor bem-sucedido, não deixou de enriquecer enormemente o acervo literário de seu Estado, com o Dicionário Biográfico Escritores Piauienses de Todos os Tempos, que, por sinal, abriu-me as portas do mundo encantado da literatura piauiense e levou-me a ser um leitor assíduo e estudioso dos valores maiores das letras da terra de Mafrense.
Não obstante, o seu trabalho, como dicionarista brilhante, vem também se destacando no seu Estado, no campo didático pedagógico, com a obra Literatura Piauiense para Estudantes, já em 7ª edição, que passa a ser um livro de referência obrigatória, no que há de melhor para um conhecimento sólido, analítico e metodológico da literatura piauiense.
Portanto, a verve fecunda de Adrião Neto não pára, pois lança agora, no limiar do novo milênio, mais um livro, o romance infanto-juvenil Eterna Aliança, de indispensável valor ético-histórico-nativista, para os estudantes, professores e educadores de todos os graus e níveis. Do livro promana uma arquitetura verbal bem planejada, onde o autor hauriu do solo piauiense, da paisagem arrebatadora das praias de Atalaia, Coqueiro e de Itaqui, esplêndido santuário ecológico de Amarração, hoje Luís Correia, a seiva alquímica da gesta indigianista, em odes de bravura do canto guerreiro da taba dos Tremembés.
E por justo merecimento, Adrião Neto acaba de receber o título de Cidadão Teresinense, como reconhecimento público à sua relevante contribuição ao desenvolvimento cultural do Piauí e do Brasil.
Assim é a trajetória luminosa de Adrião Neto, um escritor predestinado, plantador de sonhos e esperanças. Um alquimista da palavra e do verbo.


Moura Lima – Escritor tocantinense, autor de várias obras. Membro da Academia Tocantinense de Letras, do Instituto Histórico e Geográfico, e do Conselho de Cultura do Tocantins.
Comentários

O que você achou deste texto?       Nome:     Mail:    

Comente: 
Informe o código de segurança:          CAPTCHA Image                              

De sua nota para este Texto Perfil do Autor Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui