Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
37 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 55811 )
Cartas ( 21100)
Contos (12358)
Cordel (9728)
Crônicas (21554)
Discursos (3119)
Ensaios - (9940)
Erótico (13166)
Frases (40884)
Humor (17604)
Infantil (3595)
Infanto Juvenil (2322)
Letras de Música (5433)
Peça de Teatro (1311)
Poesias (136373)
Redação (2882)
Roteiro de Filme ou Novela (1045)
Teses / Monologos (2377)
Textos Jurídicos (1911)
Textos Religiosos/Sermões (4393)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Ensaios-->OUTRAS FORMAS DE DEMONSTRAR AMOR -- 08/11/2015 - 21:13 (Edmar Guedes Corrêa****) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
O tempo, esse inimigo impiedoso de todos nós, é capaz dos mais profundos danos não só em nosso passado, nossa história e nossas lembranças, apagando e envolvendo nas mais profundas brumas tudo que ficou para trás, como também tem um efeito devastador sobre o nosso dia a dia. Principalmente num relacionamento amoroso, onde a rotina tem um papel semelhante, senão maior, em provocar desgastes e levar ao esfriamento da paixão, a qual é forjada nas mais intensas chamas. Isso deveria ser encarado com mais naturalidade pelas partes envolvidas, já que os sentimentos não são eternos e, por serem fruto de reações químicas no cérebro, tendem a perder força com o passar do tempo. Afinal não existe fogo que arde eternamente. Aliás, o tempo não afeta só os sentimentos, mas nossas ideias, nossas percepções e nossas reações diante de qualquer estímulo. O problema é que a maioria das pessoas não dispõe desses conhecimentos e são incapazes de compreender tais mudanças. E isso faz com que muitas vezes uma parte acuse a outra de falta de amor, atenção, carinho, alegando que não a ama mais, o que pode até ser verdadeiro. Na mais das vezes porém, a coisa não é bem assim. O fato de a paixão ter esfriado não é sinal de falta de amor. Há tantas outras formas de demonstrar amor sem que essas envolva diretamente o sentimentalismo. O respeito, o companheirismo, o apoio, a compreensão, a atenção, o respeito, a renúncia entre outros também é forma de demonstrar amor. O que acontece é que, para algumas pessoas, isso passa despercebido ou até mesmo não tem importância alguma. Mas para outras isso tem um significado muito grande e lhe pode custar mais do que simples jogar palavras da boca para fora. De forma que, se uma pessoa já não demonstra seu amor através de palavras e carícias, pode ser que ela esteja demonstrando de outra forma. E pode ser que o outro simplesmente não esteja vendo isso.

ENCONTRE-ME TAMBÉM:
NO RECANTO DAS LETRAS
NO FACEBOOK
TWITTER
GOOGLE PLUS



Comentários

O que você achou deste texto?       Nome:     Mail:    

Comente: 
Informe o código de segurança:          CAPTCHA Image                              

De sua nota para este Texto Perfil do Autor Seguidores: 265Exibido 482 vezesFale com o autor