Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
76 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 56831 )
Cartas ( 21161)
Contos (12584)
Cordel (10014)
Crônicas (22151)
Discursos (3133)
Ensaios - (8956)
Erótico (13388)
Frases (43355)
Humor (18383)
Infantil (3751)
Infanto Juvenil (2630)
Letras de Música (5464)
Peça de Teatro (1315)
Poesias (138029)
Redação (2918)
Roteiro de Filme ou Novela (1053)
Teses / Monologos (2394)
Textos Jurídicos (1923)
Textos Religiosos/Sermões (4770)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Cordel-->A VELHICE CHEGOU PRA SE VINGAR... -- 21/02/2019 - 21:23 (José de Sousa Dantas) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
A VELHICE CHEGOU PRA SE VINGAR DAS LOUCURAS QUE FIZ NA MOCIDADE
Diniz Vitorino: poeta repentista
.
Ilusão juvenil se gera e nasce,
quando o jovem se encanta porque ama,
e a essência da vida se derrama
como um líquido celeste à flor da face,
eu pensei que esse encanto não passasse,
mas passou no foguete da idade,
levou riso e amor, deixou saudade
para mim não viver sem recordar.
A VELHICE CHEGOU PRA SE VINGAR
DAS LOUCURAS QUE FIZ NA MOCIDADE.
.
Fui amado, mas fiz ingratidão,
quando a louca arrogância levou fim,
Deus lavrou a sentença para mim,
me prendeu e guarnece a detenção,
no viveiro da minha solidão,
sou um pássaro infeliz sem liberdade
que não canta, soluça atrás da grade,
sem espaço nenhum para voar.
A VELHICE CHEGOU PRA SE VINGAR
DAS LOUCURAS QUE FIZ NA MOCIDADE.
.
Sou um louco boêmio do passado,
fiz do gozo profano um evangelho,
não pensei nunca ser, mas estou velho
preso aos braços da cruz do meu pecado,
minha vida é um mar sempre agitado,
o tufão ergue a onda, a bruma invade,
estou com medo da próxima tempestade,
mas não posso fugir, vou esperar.
A VELHICE CHEGOU PRA SE VINGAR
DAS LOUCURAS QUE FIZ NA MOCIDADE.
.
Quando jovem, zombei da lei divina,
induzi as donzelas pra desonra,
fiquei velho sem paz, também sem honra,
renegado por toda concubina,
cabisbaixo mendigo em toda esquina
um sobejo de amor por caridade,
elas passam sem dó nem piedade,
e uma lembra o que fiz pra me humilhar.
A VELHICE CHEGOU PRA SE VINGAR
DAS LOUCURAS QUE FIZ NA MOCIDADE.
.
Fui volúvel, mas tive mil amores,
ganhei beijos demais, neguei carinhos,
recebi rosas virgens, dei espinhos,
hoje encontro os espinhos, perco as flores,
morrem risos nos lábios, nascem dores,
porque sinto que a flor da vaidade
perdeu seiva, morreu mais da metade
desprezada no fundo do pomar.
A VELHICE CHEGOU PRA SE VINGAR
DAS LOUCURAS QUE FIZ NA MOCIDADE.
.
Fui nas farras da vida quase um louco,
fiquei velho passando humilhação
qual cordeiro vivendo de ração,
sem direito a queixume preso a um toco,
o desejo da carne é fraco e pouco,
a ganância da mesma qualidade,
porque velho é assim, só tem vontade
de rezar pra Jesus e se deitar.
A VELHICE CHEGOU PRA SE VINGAR
DAS LOUCURAS QUE FIZ NA MOCIDADE.

Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Seguidores: 63Exibido 36 vezesFale com o autor