Usina de Letras
Usina de Letras
   
                    
Usina de Letras
79 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 54391 )
Cartas ( 21031)
Contos (12030)
Cordel (9348)
Crônicas (20777)
Discursos (3097)
Ensaios - (9868)
Erótico (13087)
Frases (39443)
Humor (17507)
Infantil (3550)
Infanto Juvenil (2302)
Letras de Música (5406)
Peça de Teatro (1308)
Poesias (134973)
Redação (2860)
Roteiro de Filme ou Novela (1035)
Teses / Monologos (2368)
Textos Jurídicos (1911)
Textos Religiosos/Sermões (4089)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Ensaios-->O OCASO DA MODERNIDADE -- 08/04/2016 - 19:55 (Edmar Guedes Corrêa****) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
Quando se vê um país em frangalhos devido a tanta roubalheira, quando se vê uma organização terrorista como o estado islâmico torturar, assassinar barbaramente pessoas inocentes e destruir cidades inteiras em nome de um deus que só existe na mente deles, quando se vê pessoas atirando a esmo ou usando bombas atadas ao corpo para matar o maior número de pessoas possível, quando se vê governos ao redor do mundo envolvidos nas mais escabrosas falcatruas enquanto o povo sofre com o descaso, quando se vê a população do país mais rico e desenvolvido do mundo escolher para candidato a presidente um louco, homofóbico, racista e capaz de incendiar o mundo não há como não perder a esperança no ser humano e reconhecer que o nosso sistema democrático ocidental, o qual é fruto dos ideais da Revolução Francesa, fracassou totalmente em tornar o homem um ser melhor, menos egoísta e capaz de se importar com o próximo. E numa reflexão um pouco mais profunda, é possível questionar-se se a natureza não tenha cometido ao maior de suas falhas em dar vida a um ser como o homem. E mesmo que alguns de nós não atribua essa tarefa à natureza, mas a uma força superior, a qual muitos chamam de Deus, ainda sim essa força parece ter cometido uma falha ainda maior. No entanto, apesar de tudo de ruim que o homem é capaz, é preciso reconhecer que é nos momentos da mais pura barbárie, como mostra a história da humanidade, onde ocorre os maiores avanços sociais e culturais, onde surgem os grandes gênios e as grandes obras. É na dor, no sofrimento, na dominação e na destruição que surgem aqueles capazes de tirar a humanidade do seu ocaso e dar-lhe forças e esperanças, embora seja difícil prever em que momento exato isso ocorre, pois é preciso que homem chegue ao fundo do poço. Vivemos uma era de desesperança, cegueira, barbárie e caos. Vimemos um momento ímpar, onde tudo aquilo que sustentou o homem por milhares de anos está caindo por terra Até os velhos ídolos estão desaparecendo. Não se sabe até aonde isso vai e nem onde se chegará. Mas não tenho dúvida de que a humanidade será outra completamente diferente num futuro não muito distante. Resta saber se para melhor ou pior.

ENCONTRE-ME TAMBÉM:
NO RECANTO DAS LETRAS
NO FACEBOOK
TWITTER
GOOGLE PLUS





NÃO DEIXE DE LER: 30 TEXTOS MAIS LIDOS DA USINA NOS ÚLTIMOS 6 MESES
Comentários

O que você achou deste texto?       Nome:     Mail:    

Comente: 
Informe o código de segurança:          CAPTCHA Image                              

De sua nota para este Texto Perfil do Autor Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui