Usina de Letras
Usina de Letras
   
                    
Usina de Letras
102 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 55060 )
Cartas ( 21063)
Contos (12134)
Cordel (9568)
Crônicas (21230)
Discursos (3108)
Ensaios - (9913)
Erótico (13135)
Frases (39989)
Humor (17551)
Infantil (3562)
Infanto Juvenil (2309)
Letras de Música (5414)
Peça de Teatro (1311)
Poesias (135730)
Redação (2875)
Roteiro de Filme ou Novela (1035)
Teses / Monologos (2374)
Textos Jurídicos (1913)
Textos Religiosos/Sermões (4205)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Ensaios-->O QUE RESTARÁ APÓS A LAVA A JATO -- 05/06/2016 - 17:37 (Edmar Guedes Corrêa****) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos

É difícil prever o que ainda virá das investigações da Operação Lava a Jato e das delações dos envolvidos, pois, ao que tudo indica, ainda há muita coisa para ser revelada e muito político envolvido, que seus crimes ainda não vieram à tona. A cada delação são revelados novas denúncias e novos envolvidos. Na realidade, tem-se a impressão de que isso nunca acabará e de que no final não sobrará ninguém, um único personagem cuja mão não esteja suja de lama. E claro que todas as denúncias são investigadas e na mais das vezes é comprovada a participação do denunciado. No entanto, parece inacreditável que haja tantos personagens de nossa política envolvidos. Até parece que não há um único político honesto, como se o fato de ser político fosse sinônimo de desonestidade e a eleição para um cargo lhe desse intrinsecamente o direito de se aproveitar do bem público. É claro que nem todo político é desonesto, mas tem-se a impressão de que a honestidade na política é algo tão raro quanto planetas habitáveis no universo. E se de fato todos os principais personagens da política brasileira atual estiverem envolvidos em corrupção o que restará para as eleições de 2018? E não só no âmbito federal, mas também nos estados da federação, onde muitos dos envolvidos não poderão concorrer aos governos locais. Eu temo que na ausência de um grande nome, a população venha a apostar em aventureiros e sem compromisso com a democracia, com as conquistas sociais e cujas ideias mirabolantes serão capazes de causar graves danos sociais. Quiça isso não venha a ocorrer e seja, na realidade, uma grande oportunidade para uma renovação política e o surgimento de pessoas mais honestas e realmente comprometidas com a ética. Mas temo que isso possa não ocorrer. Infelizmente.

ENCONTRE-ME TAMBÉM:
NO RECANTO DAS LETRAS
NO FACEBOOK
TWITTER
GOOGLE PLUS






NÃO DEIXE DE LER: 30 TEXTOS MAIS LIDOS DA USINA NOS ÚLTIMOS 6 MESES
Comentários

O que você achou deste texto?       Nome:     Mail:    

Comente: 
Informe o código de segurança:          CAPTCHA Image                              

De sua nota para este Texto Perfil do Autor Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui