Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
123 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 56257 )
Cartas ( 21115)
Contos (12465)
Cordel (9814)
Crônicas (21743)
Discursos (3121)
Ensaios - (9965)
Erótico (13194)
Frases (41312)
Humor (17661)
Infantil (3601)
Infanto Juvenil (2327)
Letras de Música (5443)
Peça de Teatro (1312)
Poesias (136794)
Redação (2885)
Roteiro de Filme ou Novela (1048)
Teses / Monologos (2379)
Textos Jurídicos (1916)
Textos Religiosos/Sermões (4466)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Contos-->MUSAS: ALESSANDRA CENTINI -- 30/06/2009 - 15:34 (Marcelo Guido) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
A Antítese que quase me curou...
ALESSANDRA DO PRADO CENTINI
LOCAL: CAMANDUCAIA/MG
DATA: 13.JUL.1980
TEMA: SEXUAL HEALING(Michael Bolton)
Ano(s) em tela: 2000
Houve relacionamento: NÃO
Títulos de destaque durante sua esfera:
-





História:




Se Andy me recordava Patty e Luana, definitivamente Alessandra Centini resumia a presença e a importância eterna do que foi a Luciana Ramos para minha vida e para os POEMAS PÚRPUROS.

Confesso que, inicialmente, eu não era um dos maiores fãs de Lessa. No entanto, à medida que foram se firmando os contatos, surgiram boas impressões até que, um belo dia, eu finalmente me rendi pelos encantos de Lessa Centini (24/abr/2000) quando, ao vê-la, juntamente com Vivian Aguiar, ser injustiçada, na sala de aula, tive vontade de defendê-las e assim o fiz. Nascia um amor confuso para mim e que me perturbou muito. Não por acaso acabou que sendo todo em silêncio... Um primor!

Alessandra, acima de qualquer outro aspecto, foi uma incrível amiga, quando éramos companheiros de sala, que me incentivou a lutar pelo amor de Patrícia, já na fase de 2000, e fazia um período recente que Patty havia fugido do seu destino ao meu lado. Ela meio que secou minhas lágrimas naquele dia em que eu completei

Seus conselhos não foram seguidos, mas eu aprendi a crescer e, depois disso, passei a torcer pela felicidade dela com meu eterno amigo José Henrique. Isto não foi possível, porém o futuro é um eterno livro em aberto e, quiçá, algum dia os anjos dirão amém a esta minha convicta vontade.

Sensualidade e magnetismo natural: esses dois termos decifram e resumem o que foi Alessandra Centini. Nada mais precisa ser dito.

Comentários

O que você achou deste texto?       Nome:     Mail:    

Comente: 
Informe o código de segurança:          CAPTCHA Image                              

De sua nota para este Texto Perfil do Autor Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui