Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
31 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 56745 )
Cartas ( 21160)
Contos (12583)
Cordel (10007)
Crônicas (22137)
Discursos (3131)
Ensaios - (8939)
Erótico (13379)
Frases (43224)
Humor (18342)
Infantil (3740)
Infanto Juvenil (2603)
Letras de Música (5463)
Peça de Teatro (1315)
Poesias (137961)
Redação (2915)
Roteiro de Filme ou Novela (1053)
Teses / Monologos (2388)
Textos Jurídicos (1922)
Textos Religiosos/Sermões (4731)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Contos-->MINHA CASA -- 09/05/2011 - 20:57 (valentina fraga) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
MINHA CASA



Nesta casa, existe muita e tanta coisa que não sei contar.

A começar pela porta principal, larga imponente

Permitindo a entrada, franca e aberta.

As janelas de frestas largas, dão margens às olhadelas

Dos curiosos, tentando a força espreitar.

As cortinhas são transparentes, entretanto, não deixam ver.

A frente um lindo jardim, orgulho da dona

que não cansa de ver colorido, o que por vezes

resume-se a um imenso verde.

Isso é o que vêem os passantes.

Lá dentro, a coisa é diferente.

A sala comporta um confortável sofá,

com um tapete felpudo e uma lareira à frente.

Perto, bem perto, há uma dúzia de boas garrafas de vinho

esperando por quem às possa degustar.

Há um perfume no ar, um clima de casa de montanha,

Um cheiro cítrico que lembra capim limão.

A mobília de bom gosto, em tom amadeirado

exibe conforto pra quem chega de viagem.

A cozinha tem um cheiro de bolo quente todo o tempo.

A toalha da mesa é xadrez vermelho e branco,

e está posta todo o tempo esperando quem venha ceiar.

O banheiro é grande, espaçoso, e no canto,

uma banheira em madeira com água quente e pétalas de rosas,

prontas para um banho perfumado e relaxante.

O quarto, esse é feito de conforto e simplicidade.

A cama é imensa, os lençóis verde água, florido,

almofadas por toda a parte, dão a sensação de esperado descanso.

As velas acesas dão um toque de intimidade

permitindo a luz necessária.

Os que ali habitaram só pensam em voltar.

Essa é a casa que disponho e ofereço

Ao caminhante que estiver disposto a pousar.



Valentina Fraga

Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui