Usina de Letras
Usina de Letras
   
                    
Usina de Letras
66 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 54746 )
Cartas ( 21052)
Contos (12072)
Cordel (9445)
Crônicas (21020)
Discursos (3104)
Ensaios - (9890)
Erótico (13109)
Frases (39743)
Humor (17539)
Infantil (3557)
Infanto Juvenil (2306)
Letras de Música (5410)
Peça de Teatro (1309)
Poesias (135412)
Redação (2863)
Roteiro de Filme ou Novela (1035)
Teses / Monologos (2371)
Textos Jurídicos (1913)
Textos Religiosos/Sermões (4160)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Poesias-->2011 - Seis Anos -- 30/10/2011 - 12:42 (Jairo de A. Costa Jr.) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
Miguel Seis Anos do Postal.
Ansioso sempre ao receber o Jornal.
Fico, menos pela crônica, mais pela vibração.
Nele contida e pela esperança tal.

A sua, em querer fazer dele uma voz da cidade.
Nem sempre consegue, mas tenta e não se entristece.
Pelo contrário, tem apelos de felicidade e Feliz Cidade.
É assim, que você MidaVera quer vê-la e ela merece.

Nas fotos da comemoração, estás sereno.
Como preciso, para a condução de um jornal pleno!
Vais chegar aos seiscentos, tão perene quanto.
Continue sendo da verdade, como um manto!

De cá torço, para que você daí, consiga.
Que nada te impeça, sempre siga.
Nada mesmo, deixe que não prossiga
Esta é a sua saga, não importa a rima!

Miguel Seis Anos do Postal!!
Comentários

O que você achou deste texto?       Nome:     Mail:    

Comente: 
Informe o código de segurança:          CAPTCHA Image                              

De sua nota para este Texto Perfil do Autor Seguidores: 13Exibido 242 vezesFale com o autor