Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
53 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 55805 )
Cartas ( 21099)
Contos (12348)
Cordel (9724)
Crônicas (21550)
Discursos (3119)
Ensaios - (9940)
Erótico (13166)
Frases (40878)
Humor (17604)
Infantil (3595)
Infanto Juvenil (2322)
Letras de Música (5433)
Peça de Teatro (1311)
Poesias (136366)
Redação (2882)
Roteiro de Filme ou Novela (1045)
Teses / Monologos (2377)
Textos Jurídicos (1911)
Textos Religiosos/Sermões (4392)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Poesias-->No peito uma saudade -- 01/07/2017 - 21:00 (Armando A. C. Garcia) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos




No peito uma saudade





Trago no peito uma saudade

Tão antiga. Hoje ela é vovô

Que mistério, esta verdade

Encerra num pranto só.



Não pode render-se à sorte

Deste passado cinzento,

Se perto está da morte

Está dentro do pensamento.



Que te importa esta saudade

Que punge meu coração

Se a tua felicidade

For a minha punição



Perdi nos braços do tempo

Mulher dos encantos meus,

Se pra ela, foi passatempo

Pra mim; não o foi, por Deus.



São Paulo, 01-07-2017 (data da criação)

Armando A. C. Garcia



Visite meus blogs:

http://brisadapoesia.blogspot.com

http://criancaspoesias.blogspot.com

http://preludiodesonetos.blogspot.com



Direitos autorais registrados

Mantenha a autoria do poema


Comentários

O que você achou deste texto?       Nome:     Mail:    

Comente: 
Informe o código de segurança:          CAPTCHA Image                              

De sua nota para este Texto Perfil do Autor Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui