Usina de Letras
Usina de Letras
   
                    
Usina de Letras
84 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 54945 )
Cartas ( 21059)
Contos (12121)
Cordel (9542)
Crônicas (21131)
Discursos (3109)
Ensaios - (9910)
Erótico (13133)
Frases (39897)
Humor (17551)
Infantil (3560)
Infanto Juvenil (2308)
Letras de Música (5414)
Peça de Teatro (1311)
Poesias (135650)
Redação (2874)
Roteiro de Filme ou Novela (1035)
Teses / Monologos (2374)
Textos Jurídicos (1913)
Textos Religiosos/Sermões (4195)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Poesias-->COM QUE TINTA PINTAS A AQUARELA? -- 26/08/2017 - 10:03 (Adalberto Antonio de Lima) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos

As paredes da tenda estão machucadas. Feridas no vermelho recoberto de branco. Com que tinta tu pintas as palavras que falas? Faça uma boa pintura! Passe o rolo, passe o rodo no pecado. Pinte tudo de branco, inclusive, a alma. Alveje as vestes e te tornarás mais branco que a neve. Pecador, pecador! Tu és o pecador do santo ofício, o relógio atrasado que serviu de sinal ao Verbo encarnado. Eis que é chegada a luz do mundo: a cruz que salva é chegada, e  todos os pecados foram  apagados. Assim, não haverá nem culpa nem culpados. Nem julgamento. Tudo foi perdoado.
 
O rosto é o lado externo do coração; os olhos, ambos os lados, mas são os lábios que escondem ou revelam a verdade.

Se é verdadeiro dizer que os sinais sonoros e visuais descortinam emoções,  também é verdadeiro afirmar que este  mesmo conjunto de imagem e som leva a atitudes e condutas de acordo com a percepção, em torno do qual orbitam os sentidos do corpo.








Adalberto Lima
Enviado por Adalberto Lima em 26/08/2017
Comentários

O que você achou deste texto?       Nome:     Mail:    

Comente: 
Informe o código de segurança:          CAPTCHA Image                              

De sua nota para este Texto Perfil do Autor Seguidores: 1Exibido 24 vezesFale com o autor