Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
131 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 56017 )
Cartas ( 21109)
Contos (12422)
Cordel (9783)
Crônicas (21648)
Discursos (3119)
Ensaios - (9949)
Erótico (13189)
Frases (41101)
Humor (17624)
Infantil (3597)
Infanto Juvenil (2324)
Letras de Música (5441)
Peça de Teatro (1311)
Poesias (136582)
Redação (2884)
Roteiro de Filme ou Novela (1047)
Teses / Monologos (2382)
Textos Jurídicos (1914)
Textos Religiosos/Sermões (4451)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Poesias-->Hão de chorar por ela os cinamomos -- 19/10/2017 - 23:03 (Benedito Pereira da Costa) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
Hão de chorar por ela os cinamomos*


Hão de chorar por ela os cinamomos,
Murchando as flores ao tombar do dia,
Dos laranjais hão de cair os pomos,
Lembrando-se daquela que os colhia.


As estrelas dirão: - "Ai" nada somos,
Pois ela se morreu silente e fria ..."
E, pondo os olhos nela como pomos,
Hão de chorar a irmã que lhes sorria.


A lua, que lhe foi mãe carinhosa,
Que a viu nascer e amar, há de envolvê-la
Entre lírios e pétalas de rosa.


Os meus sonhos de amor serão defuntos...
E os arcanjos dirão no azul ao vê-la,
Pensando em mim: - "Por que não vieram juntos?"

(Alphonsus de Guimarães, 1870-1921)



* Planta de origem asiática, produz frutos consumidos por aves nativas, que levam as sementes para as bordas e clareiras das matas, iniciando invasões. Em Teresópolis (RJ), o ex-presidente da República, general Ernesto Geisel, possuía uma propriedade com o nome de: Sítio dos Cinamomos.
Comentários

O que você achou deste texto?       Nome:     Mail:    

Comente: 
Informe o código de segurança:          CAPTCHA Image                              

De sua nota para este Texto Perfil do Autor Seguidores: 27Exibido 73 vezesFale com o autor