Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
41 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 56299 )
Cartas ( 21150)
Contos (12562)
Cordel (9930)
Crônicas (22048)
Discursos (3130)
Ensaios - (9088)
Erótico (13314)
Frases (42731)
Humor (18163)
Infantil (3686)
Infanto Juvenil (2480)
Letras de Música (5460)
Peça de Teatro (1315)
Poesias (137613)
Redação (2901)
Roteiro de Filme ou Novela (1050)
Teses / Monologos (2384)
Textos Jurídicos (1918)
Textos Religiosos/Sermões (4588)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Poesias-->(Quase ninguém mais liga pra poesia) -- 21/01/2018 - 00:45 ( Andre Luis Aquino) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
Quase ninguém liga mais para flores

mas o jardineiro ainda cuida de seu jardim

cultivando cada planta como se elas fossem

o último de seus amores



Quase ninguém liga mais para o sentimento

mas os apaixonados ainda olham para lua

e sentem o sangue gelando nas veias

e esquentando no coração



Quase ninguém liga mais para a poesia

mas o poeta ainda escreve

como se fosse morrer amanhã



e apesar do esquecimento dos outros

e de sua ausência da atenção

ele ainda é um jardineiro de corações

um dos últimos guardiões do que é sincero

João-de-barro fiel ao sonho

do amor eterno

Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui