Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
54 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 56311 )
Cartas ( 21150)
Contos (12562)
Cordel (9931)
Crônicas (22048)
Discursos (3130)
Ensaios - (9090)
Erótico (13315)
Frases (42737)
Humor (18166)
Infantil (3686)
Infanto Juvenil (2482)
Letras de Música (5460)
Peça de Teatro (1315)
Poesias (137620)
Redação (2901)
Roteiro de Filme ou Novela (1050)
Teses / Monologos (2384)
Textos Jurídicos (1918)
Textos Religiosos/Sermões (4589)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Poesias-->SAUDADE ATO OITO -- 19/04/2018 - 04:03 (PAULO FONTENELLE DE ARAUJO) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos




Naquele verão vi outro tipo de amor, 




chegamos em brotos alterados




e  percebi você nas  falhas,




na grama de solos concentrados 




 




Estive suspensa por instantes,




sabia  nome de batom francês 




dos pactos de sangue azul,




do beijo aplicado em lábios e cicatrizes.




 




Também sabia como era a forma do laço,




embaixo da cama, a noção do escuro espaço,




o barbante que desliza por  mãos luminosas.




 




e passei o resto do dia dormindo,




somente segunda que senti as  sensações,




encaixes de jogos infantis indo e não vindo.




 




Do livro: "Amor por força da lembrança"




Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Seguidores: 12Exibido 68 vezesFale com o autor