Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
101 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 56235 )
Cartas ( 21113)
Contos (12461)
Cordel (9813)
Crônicas (21739)
Discursos (3121)
Ensaios - (9964)
Erótico (13194)
Frases (41307)
Humor (17660)
Infantil (3600)
Infanto Juvenil (2327)
Letras de Música (5443)
Peça de Teatro (1312)
Poesias (136769)
Redação (2885)
Roteiro de Filme ou Novela (1048)
Teses / Monologos (2379)
Textos Jurídicos (1916)
Textos Religiosos/Sermões (4468)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Poesias-->Círculo Vicioso* -- 07/05/2018 - 21:41 (Benedito Pereira da Costa) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
Círculo Vicioso*


Sonilton Campos


(Soneto premiado em concurso do programa "César de Alencar" e lido, na rádio, em 25/05/1957, pelo poeta J. G. de Araújo Jorge)


Mirando o seu colar, uma mulher dizia:
- "Quem me dera tivesse esta beleza rara,
este fulgor, que a nada se compara!"
Mas o colar, após ouvir essa euforia:


"Quisera ser perfume, aroma ser um dia,
viajar pelo infinito, onde jamais viajara
extrato sem valor, essência menos cara!"
E o perfume, num frasco, ouvida alegoria:


- "Viajar? enclausurado aqui, sem ar, sem nada,
prefiro ser a flor. É livre e tem perfume."
Mas uma flor, tomando o fio da meada:


- "Tolos! Pois eu desejo, um dia, se puder,
ser aquela que tudo a que aspirais resume,
a flor mais perfumada e bela: ser Mulher!"


* Sonilton Campos (in memorian, meu professor de português há mais de 50 anos). "Só Sonetos". Rio de Janeiro (RJ): Robson Achiamé Editor, 1994, p. 39.
Comentários

O que você achou deste texto?       Nome:     Mail:    

Comente: 
Informe o código de segurança:          CAPTCHA Image                              

De sua nota para este Texto Perfil do Autor Seguidores: 27Exibido 26 vezesFale com o autor