Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
54 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 56476 )
Cartas ( 21121)
Contos (12490)
Cordel (9844)
Crônicas (21812)
Discursos (3123)
Ensaios - (9984)
Erótico (13198)
Frases (41505)
Humor (17698)
Infantil (3604)
Infanto Juvenil (2328)
Letras de Música (5448)
Peça de Teatro (1312)
Poesias (136964)
Redação (2885)
Roteiro de Filme ou Novela (1048)
Teses / Monologos (2381)
Textos Jurídicos (1917)
Textos Religiosos/Sermões (4479)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Poesias-->Levar a Amada Até o Ponto de Ônibus -- 30/05/2018 - 17:22 (Luciana do Rocio Mallon) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
Levar a Amada Até o Ponto de Ônibus

Levar a amada até o ponto do coletivo
É mais do que ter um coração prestativo
É saber ouvir as estórias que ela tem para contar
Em cima das calçadas da rua ou debaixo do luar

Acompanhar a amada até o ponto do coletivo
É saber que o real amor não tem ponto final
Pois o beijo esconde um travessão vivo
Que dialoga com uma frase espiritual

Cuidar da amada no ponto de ônibus da cidade
É saber que há vírgulas numa paixão de verdade
Mesmo que o bonde da Poesia seja passageiro
Um verso de carinho faceiro nunca é traiçoeiro

Zelar pela amada no ponto de ônibus da cidade
É saber que o abraço sincero é a ponte para a felicidade.
Luciana do Rocio Mallon

Comentários

O que você achou deste texto?       Nome:     Mail:    

Comente: 
Informe o código de segurança:          CAPTCHA Image                              

De sua nota para este Texto Perfil do Autor Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui