Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
47 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 56025 )
Cartas ( 21109)
Contos (12422)
Cordel (9784)
Crônicas (21648)
Discursos (3119)
Ensaios - (9949)
Erótico (13189)
Frases (41101)
Humor (17624)
Infantil (3597)
Infanto Juvenil (2324)
Letras de Música (5441)
Peça de Teatro (1311)
Poesias (136584)
Redação (2884)
Roteiro de Filme ou Novela (1047)
Teses / Monologos (2382)
Textos Jurídicos (1914)
Textos Religiosos/Sermões (4451)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Poesias-->Menina de Cinco Anos Que Foi Assassinada Pelos Próprios Pais -- 01/06/2018 - 19:09 (Luciana do Rocio Mallon) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
Menina de Cinco Anos Que Foi Assassinada Pelos Próprios Pais

Ela era um anjo, um verdadeiro querubim
Com sorriso de marfim e asas de cetim
Nas escola, era a criança mais cativante
Com o brilho de uma estrela cintilante

Porém ela era agredida de forma tortuosa
Pela sua própria família nervosa e perigosa
Pessoas chamaram a escola e o conselho tutelar
Mas o causo foi abandonado debaixo da luz do luar

Por isto numa noite agitada e sem paz
Ela foi assassinada pelos próprios pais
Quem é para proteger, ás vezes, vira o algoz
De um ser frágil, indefeso e veloz

Tantos casais calmos e excelentes
Desejando ter seus próprios filhos
Mas pais assassinos incoerentes
Matam suas crianças sem brios.
Luciana do Rocio Mallon



Comentários

O que você achou deste texto?       Nome:     Mail:    

Comente: 
Informe o código de segurança:          CAPTCHA Image                              

De sua nota para este Texto Perfil do Autor Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui