Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
133 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 56922 )
Cartas ( 21134)
Contos (12535)
Cordel (9883)
Crônicas (21940)
Discursos (3125)
Ensaios - (10032)
Erótico (13216)
Frases (41986)
Humor (17836)
Infantil (3614)
Infanto Juvenil (2349)
Letras de Música (5450)
Peça de Teatro (1313)
Poesias (137256)
Redação (2893)
Roteiro de Filme ou Novela (1049)
Teses / Monologos (2382)
Textos Jurídicos (1917)
Textos Religiosos/Sermões (4538)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Poesias-->Agapanto -- 05/06/2018 - 17:37 (Luciana do Rocio Mallon) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
Agapanto
Eu sou uma flor, um agapanto
Preciso da ave e do seu canto
Minhas pétalas possuem magia
Que curam a doença e a nostalgia

Diz a lenda que, na mata, caminhava um santo
Mas o vento levou seu divino manto
Que parou numa mina escura de ágata
Onde morava uma misteriosa gata

Da ágata, da gata e do manto
Surgiu eu, o suave agapanto
Porém não tenho paciência
Quando me confundem com a hortênsia

Dizem que sou um africano lírio
Meu perfume causa delírio
Falam que sou a flor do Nilo
Que traz um sono tranquilo

Eu sou uma flor, um agapanto
Preciso da ave e do seu canto
Entre meu tom azul e branco
Ainda sinto a magia do manto.
Luciana do Rocio Mallon








Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui