Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
57 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 56595 )
Cartas ( 21157)
Contos (12595)
Cordel (9988)
Crônicas (22114)
Discursos (3130)
Ensaios - (8904)
Erótico (13337)
Frases (43016)
Humor (18285)
Infantil (3717)
Infanto Juvenil (2552)
Letras de Música (5461)
Peça de Teatro (1315)
Poesias (137837)
Redação (2909)
Roteiro de Filme ou Novela (1054)
Teses / Monologos (2386)
Textos Jurídicos (1921)
Textos Religiosos/Sermões (4641)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Poesias-->Inusual discurso -- 02/08/2018 - 19:20 (paulino vergetti neto) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
Inusual discurso





Inusual palavra tua boca oferta

qual navalha incerta, afoita e desonesta,

afeita a desatinos...



Há um discurso!

Rego as raízes das palavras.

Calo-me diante de teu desamor,

por outros, já enamorada,

como se nosso passado houvesse desistido de existir.



Há um coração magoado!

Tomba diante do descaso do teu,

antes só meu, mas que volta e meia

volta a machucar.



Inusual palavra essa tua que,

sem boca e nua, quase crua, me provoca,

como se o meu amor fosse alguma coisa

alguma troca inusual também,

tecido para se esquecer.

E entre frases sem palavras nós nos esquecemos

no torpe desalinho de nossos sentimentos,

como inusual amor que quis morrer...

Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Seguidores: 18Exibido 56 vezesFale com o autor