Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
116 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 56735 )
Cartas ( 21128)
Contos (12527)
Cordel (9866)
Crônicas (21902)
Discursos (3121)
Ensaios - (10002)
Erótico (13200)
Frases (41767)
Humor (17750)
Infantil (3605)
Infanto Juvenil (2334)
Letras de Música (5450)
Peça de Teatro (1312)
Poesias (137082)
Redação (2887)
Roteiro de Filme ou Novela (1049)
Teses / Monologos (2381)
Textos Jurídicos (1917)
Textos Religiosos/Sermões (4528)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Poesias-->IDA E VOLTA -- 07/08/2018 - 21:52 (Nelson de Medeiros Teixeira) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos

IDA E VOLTA
 
Finda o dia na velha Praça da Matriz.
Pensativo fico olhando o bailado feliz
Das aves voltando à velha árvore da pracinha...         
Elas saem silenciosas na alvorada
E retornam palradoras, em revoada,
A seus abrigos à tardinha...
 
 
E sentindo a tristeza que me enlaça,
Eu penso quem seus rumos traça
No percurso que tem ida e volta...            
E a dor que à minha alma invade
Muito mais do que saudade,
É quase uma revolta...
 
           
Ah! triste sina a que me resta!
Minha avezinha partiu em festa
Foi sem rumo e ao céu se alçou...
E fico à tardinha pensando,
Sozinho de Deus indagando,
Porque nunca mais voltou...

 

Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Seguidores: 2Exibido 50 vezesFale com o autor