Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
37 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 56453 )
Cartas ( 21157)
Contos (12576)
Cordel (9978)
Crônicas (22088)
Discursos (3130)
Ensaios - (8877)
Erótico (13329)
Frases (42884)
Humor (18233)
Infantil (3705)
Infanto Juvenil (2521)
Letras de Música (5461)
Peça de Teatro (1315)
Poesias (137744)
Redação (2907)
Roteiro de Filme ou Novela (1053)
Teses / Monologos (2385)
Textos Jurídicos (1918)
Textos Religiosos/Sermões (4620)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Poesias-->Eu Digo Feliz Ana Nova Porque Meu Ano Novo é Mulher -- 31/12/2018 - 15:22 (Luciana do Rocio Mallon) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
Eu Digo Feliz Ana Nova Porque Meu Ano Novo é Mulher

Eu digo “ - Feliz Ana Nova!”

Pois meu ano novo é menina

Ela sempre passa por uma prova

Que precisa de muita adrenalina



Uma vez por mês ela menstrua

De acordo com os ciclos da Lua

Ela tem medo de andar na rua escura

Neste mundo repleto de amargura



Em janeiro, todos criticam seu corpo na praia

Porém ela só deseja brincar com uma arraia!

Em fevereiro, querem ver Ana no Carnaval

Mas ela é sempre vítima deste temporal



Em março, ela precisa trabalhar e estudar

Para abrir as portas do mês de abril

Ana batalha por um mísero lugar

Neste planeta patriarcal e anil



Querem que ela seja noiva e mãe em maio

Mas Ana só colhe flores em um balaio

Em junho, ela veste um vestido junino

Em julho, Ana se protege do inverno fino



Em agosto, ela foge de todo o desgosto

Pois tentações existem à gosto

Em setembro, cheia de inocência

Ela comemora a independência



Em outubro, vem o dia da criança e da padroeira

Em novembro, Ana vira uma flor faceira

Para enfeitar a casa, em dezembro, no Natal

Ana é um ano completo e sensacional



Eu digo: “ - Feliz Ana Nova!”

Pois meu ano novo é menina

Ela sempre passa por uma prova

Que precisa de muita adrenalina.

Luciana do Rocio Mallon











Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui