Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
121 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 56920 )
Cartas ( 21164)
Contos (12585)
Cordel (10041)
Crônicas (22162)
Discursos (3133)
Ensaios - (8973)
Erótico (13389)
Frases (43445)
Humor (18412)
Infantil (3757)
Infanto Juvenil (2645)
Letras de Música (5464)
Peça de Teatro (1315)
Poesias (138081)
Redação (2919)
Roteiro de Filme ou Novela (1053)
Teses / Monologos (2399)
Textos Jurídicos (1924)
Textos Religiosos/Sermões (4809)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Poesias-->Destino* -- 07/07/2019 - 11:12 (Benedito Pereira da Costa) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
Destino*

Corrupção,
Só ladrão,
Só anão,
Contra o Moro.
Não existe...
Muito insiste,
Dedo em riste
Mas sem foro.


Ladravaz,
Pertinaz,
Não tem paz
Nem mais jeito.
Faz de tudo.
Povo mudo
Sem canudo,
Sem respeito.


Quer mais votos
E mais fotos
Com devotos
Subalternos. 
A cadeia,
Não alheia,
Dá-lhe a peia
E os infernos. 

* Brasília, DF, 07/07/2019.
Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Seguidores: 23Exibido 40 vezesFale com o autor