Usina de Letras
Usina de Letras
   
                    
Usina de Letras
75 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 55217 )
Cartas ( 21066)
Contos (12156)
Cordel (9589)
Crônicas (21289)
Discursos (3112)
Ensaios - (9914)
Erótico (13140)
Frases (40120)
Humor (17564)
Infantil (3566)
Infanto Juvenil (2310)
Letras de Música (5416)
Peça de Teatro (1311)
Poesias (135847)
Redação (2879)
Roteiro de Filme ou Novela (1035)
Teses / Monologos (2375)
Textos Jurídicos (1913)
Textos Religiosos/Sermões (4226)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Contos-->O BOBO DA CORTE -- 08/11/2017 - 17:02 (valentina fraga) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
ERA UMA VEZ, UM REINO, NÃO TÃO DISTANTE. NELE, EU ERA O BOBO DA CORTE.



O REI HAVIA ME ESCOLHIDO, NUM CONCURSO, BASTANTE CONCORRIDO. NAQUELES TEMPOS, E NESSES TAMBÉM, É SÓ UMA QUESTÃO DE VER QUEM É REI E QUEM É SERVO, OS REIS SEMPRE ESCOLHEM SEUS BOBOS, E GERALMENTE, GRATOS POR SEREM ESCOLHIDOS, DEVOTAM-LHE AMOR ETERNO. ALÉM DE AMOR, SÃO SEUS SERVOS LEAIS, DISPOSTOS A QUAISQUER SACRIFÍCIOS PARA AGRADAR SEU AMO E SENHOR.



ENFIM, DEPOIS DE TANTAS PROVAS, TANTAS MISURAS, TANTOS ARRANJOS, ESTAVA EU, LÉPIDO E FACEIRO, À SERVIÇO DO MEU REI, COM TANTO GOSTO, QUE ME PERDIA EM MIM PARA AGRADA-LO.



OS ANOS FORAM PASSANDO, E A ROTINA DO REINO, TORNARA-SE ENFADONHA. O REI, POR SUA VEZ, JÁ NÃO SE RIA ÀS MINHAS CUSTAS, POR MAIS QUE ME DESDOBRASSE PARA AGRADAR. SEI QUE GOSTAVA DE MIM, QUE NÃO ME TROCARIA POR OUTRO BOBO, MAS NÃO HAVIA AQUELE ENCANTO, TANTO QUE NÃO SE INCOMODAVA DE, EM ALGUNS MOMENTOS, NÃO ME TER POR PERTO TENTANDO AGRADAR.



CADA DIA O AMOR FICAVA MAIOR ENTRE NÓS, EU SENTIA ISSO, MAS AQUELA RISADAGEM DE OUTRORA, JÁ NÃO EXISTIA.



OS ENCONTROS ENTRE OS REINOS, PARA VISITAÇÃO E TORNEIOS DE LUTAS OU JOGOS, ONDE OS REIS SE EMPODERAVAM ERAM MAIS COMUNS A CADA DIA QUE PASSA.



CERTA VEZ, UM REINO PRÓXIMO, QUE NUNCA HAVIA VISITADO NOSSO REI, MARCOU UM DESSES ENCONTROS ONDE, UMA CERIMÔNIA, ABRIRIA OS TRABALHOS, E LOGO EM SEGUIDA COMEÇARIAM OS JOGOS COM OS HOMENS FORTES DE CADA REINO SE APRESENTARIAM COM SEUS LINDOS CAVALOS E LANÇAS.



NO MOMENTO EM QUE A COMITIVA DO REINO VIZINHO ENTROU NA SALA DO TRONO, ACOMPANHADA DE TODAS AQUELAS PESSOAS, ENTRE A GUARDA REAL, ESTAVA O REI DO REINO VIZINHO.



QUANDO PUS OS OLHOS NELE, SENTI AQUELE ENCANTAMENTO, COMO DA PRIMEIRA VEZ QUE VI MEU REI. ELE ERA LINDO, IMPONENTE, SEM SOMBRA DE DÚVIDAS UM REI MUITO BOM.



NAQUELE INSTANTE, SENTI O DESEJO DE LHE SERVIR, DE O FAZER SORRIR, DE TIRAR DELE AS MELHORES GARGALHADAS QUE ALGUÉM JÁ SORRIU, AFINAL, SERÁ QUE HÁ ALGO MELHOR QUE SORRIR?



BEM PRÓXIMO, VINHA SEU BOBO. ACHEI-O SEM GRAÇA ALGUMA. SENTIA-ME MUITO MELHOR QUE ELE. SERÁ QUE O CIÚME JÁ ME CONSUMIA?



BEM, DEPOIS DAQUELE DIA, QUANDO SE FIRMOU A AMIZADE ENTRE MEU REI E O REI VIZINHO, TIVE MUITAS OPORTUNIDADE DE ENCONTRA-LO, E SEMPRE QUE ISSO ACONTECIA, MEU CORAÇÃO SE ENCHIA DE ALEGRIA. SONHAVA TODOS OS DIAS QUE, EM UM DIA QUALQUER, SIMPLESMENTE, ACORDAR EM SEU PALÁCIO, FARIA PARTE DE SUA ROTINA, E ASSIM VIVI POR MUITO TEMPO.



SEMPRE QUE ME VIA, FUSTIGAVA MEUS INSTINTOS DE QUERER FAZER SORRIR, E EU, BOBO QUE ERA, SEMPRE INVENTAVA MESURAS PRA LHE TIRAR OS MELHORES SORRISOS.



O TEMPO FOI PASSANDO, E MESMO SABENDO QUE NUNCA SERIA SEU BoBO, A INTENÇÃO PERMANECIA.



HOJE, JÁ ESTOU BEM VELHO, E O REI VIZINHO TAMBÉM. OS SENTIMENTOS ACOMODARAM-SE EM MEU CORAÇÃO. HOJE JÁ NÃO APAREÇO EM PÚBLICO, E QUANDO O VEJO, FICO DISTANTE, IMAGINANDO COMO SERIA, O QUE NUNCA SE TORNOU.



MAS MEU SENTIMENTO CONTINUARIA O MESMO, ATÉ QUE MORRESSE.



A ÚNICA COISA QUE ESSE BOBO QUERIA, ERA FAZER O REI VIZINHO SORRIR.







Comentários

O que você achou deste texto?       Nome:     Mail:    

Comente: 
Informe o código de segurança:          CAPTCHA Image                              

De sua nota para este Texto Perfil do Autor Seguidores: 14Exibido 48 vezesFale com o autor