Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
84 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 55585 )
Cartas ( 21086)
Contos (12217)
Cordel (9652)
Crônicas (21424)
Discursos (3115)
Ensaios - (9924)
Erótico (13156)
Frases (40559)
Humor (17585)
Infantil (3581)
Infanto Juvenil (2319)
Letras de Música (5429)
Peça de Teatro (1311)
Poesias (136176)
Redação (2882)
Roteiro de Filme ou Novela (1041)
Teses / Monologos (2376)
Textos Jurídicos (1910)
Textos Religiosos/Sermões (4276)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Contos-->Lenda do Fantasma do Velho Ladrão Que Roubava Rádio e Agora -- 02/02/2018 - 13:27 (Luciana do Rocio Mallon) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
Lenda do Fantasma do Velho Ladrão Que Roubava Rádio e Agora Rouba Celular
Nos anos 70, em Curitiba, havia a lenda de um ladrão idoso que andava em uma bicicleta, da marca Monark cor de vinho, com um rádio novo amarrado na garupa. Então ele batia nas portas e dizia:
- Ganhei um rádio novo da minha neta. Mas não sei usar, por isto quero troca-lo por um radinho de simples pilha.
- Poderia me ajudar?
Então a pessoa trazia um rádio simples e entregava ao ancião. Porém, naquele instante, ele saía correndo de bicicleta levando os dois rádios juntos.
Naquela época existia uma menina chamada Júlia. Numa tarde de verão, bateu palmas no portão de sua casa, um velho de bicicleta com um rádio novo amarrado na garupa, que falou:
- Menina, ganhei um aparelho de rádio de última geração da minha neta. Mas como não sei usar, gostaria de trocar este aparelho por um mais antigo, estilo rádio pequeno de pilha.
- Você tem para trocar?
A garota foi até a cozinha, pegou um rádio de pilha, aproximou-se do ancião e exclamou:
- Tenho este!
O velho, rapidamente, pegou o aparelho das mãos da garota e saiu correndo com a bicicleta, sem dar o rádio novo para a garota.
Quando sua mãe chegou à residência, Júlia contou a história e levou bronca.
Porém, no dia seguinte, ela foi com a mãe ao enterro de sua tia, que faleceu naquela madrugada. Mas, ao passar por um dos túmulos ela viu um retrato e exclamou:
- Mãe, esta é a foto do velho que me enganou!
Naquele mesmo instante a mulher notou que em cima do túmulo estava seu rádio de pilha e achou este fato muito misterioso.
Agora, em 2018, uma lenda semelhante está despontando em nossa sociedade.
Em janeiro de 2018, na cidade de Curitiba, um idoso com uma bicicleta, carregando um celular de última geração, bateu na porta da casa de Patrícia e disse:
- Boa tarde!
- Eu ganhei um celular de última geração, lançamento mesmo, da minha neta. O problema é que como sou muito idoso, não sei usar o aparelho. Por isto quero troca-lo por um celular antigo.
- A senhora aceitaria esta proposta?
Patrícia foi até a sala, pegou o celular que estava carregando, chegou perto do homem e explicou:
- Posso trocar por este, que é um modelo de três anos atrás.
De repente, o idoso tomou o aparelho das mãos da moça e saiu correndo com a bicicleta.
Na semana seguinte, ela foi ao enterro da vizinha e na porta do cemitério avistou uma bicicleta Monark, cor de vinho, do mesmo modelo que o ladrão usou para engana-la.
Portanto, cuidado com este velho ciclista que rouba celular. Reza a lenda que é o mesmo fantasma que afanava rádios nos anos setenta.
Luciana do Rocio Mallon







Comentários

O que você achou deste texto?       Nome:     Mail:    

Comente: 
Informe o código de segurança:          CAPTCHA Image                              

De sua nota para este Texto Perfil do Autor Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui