Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
111 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 56957 )
Cartas ( 21165)
Contos (12587)
Cordel (10049)
Crônicas (22175)
Discursos (3133)
Ensaios - (8977)
Erótico (13390)
Frases (43482)
Humor (18424)
Infantil (3759)
Infanto Juvenil (2652)
Letras de Música (5466)
Peça de Teatro (1315)
Poesias (138144)
Redação (2919)
Roteiro de Filme ou Novela (1054)
Teses / Monologos (2400)
Textos Jurídicos (1924)
Textos Religiosos/Sermões (4822)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Crônicas-->GAFE EM PORTUGAL -- 05/01/2011 - 19:23 (Carlos Rogério Lima da Mota) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
Estou em férias há 14 dias em Lisboa e vejam a situação constrangedora que já sofri: Estava em uma loja de roupas, no centro da cidade, quando pedi para ver alguns cachecóis. A vendedora, uma senhora de uns 45 anos, bem apresentada, tratava-me por sorrisos. Durante a negociação do produto, cometi o "erro" de perguntar o nome dela. Pronto! Os sorrisos sumiram, o rosto dela avermelhou-se... Estava feito a besteira! Não entendi o porquê daquele comportamento, terminei a compra e fui embora. Já em casa, minha mãe me explicou que jamais se deve perguntar o nome de alguém, porque aqui em Portugal, quando alguém o faz, quer dizer que a pessoa está interessada pela outra...Seria um tipo de cantada! Acreditam?
Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui