Usina de Letras
Usina de Letras
   
                    
Usina de Letras
93 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 55325 )
Cartas ( 21071)
Contos (12178)
Cordel (9606)
Crônicas (21334)
Discursos (3113)
Ensaios - (9921)
Erótico (13145)
Frases (40234)
Humor (17570)
Infantil (3576)
Infanto Juvenil (2311)
Letras de Música (5419)
Peça de Teatro (1311)
Poesias (135948)
Redação (2881)
Roteiro de Filme ou Novela (1035)
Teses / Monologos (2375)
Textos Jurídicos (1913)
Textos Religiosos/Sermões (4238)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Cartas-->Luz -- 04/02/2006 - 17:26 (sandrime sérgio) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
Estive pensando em como a vida nos surpreende.As surpresas não escolhem hora , não preparam terreno, elas simplesmente acontecem. Invariavelmente nos pegam desprevenidos. Já passei por muitas : já sofri abandonos, calúnias, injustiças e perdas irreparáveis.Todas essas coisas fizeram de mim uma pessoa fortalecida, porém extremamente cética.O tempo fez-me esquecer a amargura e perdoar os que massacraram meus sentimentos, feriram minha dignidade e tentaram enlamear meu nome. Só restou a incredulidade. Não acredito nos homens, não acredito em promessas. Procuro viver o momento intensamente por saber que é a única coisa que nos pertence. De repente uma série de acontecimentos despertam minha indignação e eu de novo começava a ficar amarga...porém um dia...há pouco mais de uma semana, encontrei, por uma destas peças que a vida prega na gente, uma luz divina.Encontrei uma jóia, dessas que pensamos ser feito a lenda do Santo Graal, sabemos que está em algum lugar, mas onde e como identificar? Identifiquei minha lenda pessoal e quero fazer dela o motivo de meus dias,o prazer do meu sorriso, o sonho das minhas noites. Que a vida me reserve mais uma surpresa: estar de mãos dadas com essa luz e fazer dela o meu alimento divino. A vida é assim, quando achamos que já vivemos tudo, ela nos revela um lado completamente novo e surpreendente...
Obrigada meu Deus por ser tão presente em mim e me fazer ver que as verdades não são absolutas....
Ajude-me a mudar o tempo do verbo "acredito" para "acreditava".
Comentários

O que você achou deste texto?       Nome:     Mail:    

Comente: 
Informe o código de segurança:          CAPTCHA Image                              

De sua nota para este Texto Perfil do Autor Seguidores: 9Exibido 687 vezesFale com o autor