Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
45 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 56450 )
Cartas ( 21157)
Contos (12576)
Cordel (9977)
Crônicas (22085)
Discursos (3130)
Ensaios - (8877)
Erótico (13329)
Frases (42883)
Humor (18231)
Infantil (3704)
Infanto Juvenil (2520)
Letras de Música (5461)
Peça de Teatro (1315)
Poesias (137743)
Redação (2907)
Roteiro de Filme ou Novela (1053)
Teses / Monologos (2385)
Textos Jurídicos (1918)
Textos Religiosos/Sermões (4619)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Cartas-->SEM TE JULGAR / Ji -- 05/06/2009 - 07:54 (Professor Marcelo Guido Noronha) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
Você tá aí?

Definitivamente não estou te julgando, então se pensa assim...sinto mesmo.

Vou então ajudá-lo a se vitimar mais ainda
Marcelo: Deus é horrível, não te ama, sua namorada não reconhece o quanto a ama, o tal Diogo é um canalha. Seu casamento arruinou sua vida. Sua mulher não deveria ter sido mãe. Deveria ter abortado, pois não era hora de vc ser pai. Seu filho é um fardo muito pesado para vc carregar. Onde está Deus que não viu nada disso? Ele é culpado, não gosta de você, não
o ajudou nunca.

Calma aí, Marcelo, você acha que gostaria de ouvir essas palavras, é isso que quer de mim?

Não julguei você, não julgo ninguém...

Quem sou eu para isso?

Mas me dói ver alguém se destruir, se vitimar tanto.

Me desculpe se não me entendeu, se não soube me expressar, só quis ajudá-lo...nada mais.
Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui