Usina de Letras
Usina de Letras
   
                    
Usina de Letras
74 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 54950 )
Cartas ( 21059)
Contos (12121)
Cordel (9548)
Crônicas (21140)
Discursos (3109)
Ensaios - (9910)
Erótico (13133)
Frases (39909)
Humor (17551)
Infantil (3560)
Infanto Juvenil (2308)
Letras de Música (5414)
Peça de Teatro (1311)
Poesias (135663)
Redação (2874)
Roteiro de Filme ou Novela (1035)
Teses / Monologos (2374)
Textos Jurídicos (1913)
Textos Religiosos/Sermões (4197)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Crônicas-->O cais -- 05/09/2017 - 16:02 (Padre Bidião) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
O cais

Via ao longe, todas as velas arqueadas e pomposas velejando e no bar sentado a beber sua dose de catuaba, estava o Josefino Pequeno. Cabra muito respeitado pelas redondezas, pois tinha aliado ao seu perfil um tanto sisudo, a fama de não provocar briga, mas quando entrava numa, ninguém o segurava. Então, pra evitar problema, Zé Cascudo cabra frouxo da gota serena, sempre comia pelas beiradas pra não bater de frente com ninguém. Cascudo tinha esse nome porque nunca fora de apreciar um bom banho, tanto é que formou uma capa muito dura na pele que além do mal cheiro, nem Josefino Pequeno ousava dar uma bengalada nele de 15 quilos, pra não empestar de mau cheiro seu objeto de sustentabilidade corpórea. Era sábado à noite, e lá no bar o Buraco de Otilia, estava ele a verter no buraco oral sua bebida preferida. À frente do restaurante, passava uma jovem de retarguarda pronunciada e anatomicamente perfeita quando Zé Cascudo abrugalhou os olhos e foi apressando os passos para chegar perto da linda roliça. Ela ao sentir o cheiro desagradável, correu para perto do temível Josefino Pequeno. Não deu outra, Zé Cascudo retardou os passos e voltou à beira do cais e continuou a velejar com os olhos, os limites do mar.
Comentários

O que você achou deste texto?       Nome:     Mail:    

Comente: 
Informe o código de segurança:          CAPTCHA Image                              

De sua nota para este Texto Perfil do Autor Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui