Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
47 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 56825 )
Cartas ( 21161)
Contos (12584)
Cordel (10012)
Crônicas (22151)
Discursos (3132)
Ensaios - (8954)
Erótico (13388)
Frases (43345)
Humor (18383)
Infantil (3751)
Infanto Juvenil (2630)
Letras de Música (5464)
Peça de Teatro (1315)
Poesias (138025)
Redação (2918)
Roteiro de Filme ou Novela (1053)
Teses / Monologos (2394)
Textos Jurídicos (1923)
Textos Religiosos/Sermões (4766)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Cartas-->DE UM EX-POETA -- 24/03/2010 - 12:38 (Professor Marcelo Guido Noronha) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
Obrigado.

Venho, há bom tempo, querendo MUITO ter bons dias...

Consigo em algumas vezes...

Tenho dois defeito horrorosos
1) não sei conviver com solidão por muito tempo...
2) não sei dosar carinho qdo estou apaixonado (ou dou demais com entrega total e acabo assustando a pessoa ou então deixo a pessoa livre pra respeitar espaço e a pessoa acha que fico frio)...

Quanto aos meus textos, vou prosseguir escrevendo coisas diversas, mas não pretendo mais as POESIAS. Ser poeta dói... A gente sofre muito e não tem retorno. A vida é cheia de situações complicadas e o poeta só vê um caminho (e bem simples): amar de verdade e ser feliz...

Eu pensei demais ontem. Escrevi o texto com o pessoal e depois comuniquei aos meus amigos-irmãos que estou saindo do grupo. Não me sinto mais à vontade pra propagar algo que não tenho: AMOR.

Sabado devo anunciar isso de forma oficial a todos, já que tudo indica que o pessoal deve vir me procurar. Eles sabem que eu estou muito mal...

Sabe, tenho pesadelos... Imagino o/a filho/a que eu poderia ter tido com a Grasielly (sinto que pudesse ser menina). Aquela notícia (o a...) veio como um meteoro em meu coração... Magoou demais e mostrou o tamanho real de minha insignificância.

Não é mole tentar sacar como de um dia pro outro deixamos de ser a pessoa mais importante na vida de alguém, aquele ser q causa suspiros e que é lembrado qdo uma música toca... pra ser motivo de ódio, repulsa...

As pessoas podem me chamar de egoísta, talvez eu também seja... Mas eu também sou gente... Há amigos meus que dizem que eu estou fissurado em sair com alguém. Não lhes passa às cabeças que não é isso... Até pq, em contrasenso, os mesmos dizem que não entendem pq eu recusei moças tão cobiçadas em nosso meio... Mas explico, não sou movido a tesão e sim a um conjunção de fatores...

Infeliz/e, fui achar isso tudo numa pessoa comprometida... E acabei por desejar sim que seu namoro findasse como o de Grasielly em 2007... Mas agora noto que vc leva uma vantagem gigantesca... Da mesma forma como ela trocou Otávio tão facilmente por mim, ela não hesitou em fazer o mesmo comigo em relação ao Diogo...

Não acredito que as pessoas fiquem com outras só por piedade... Até pq assim acaba não rolando beijos, sexo, nada...

Uma vez em 2000/01, qdo notei que num namoro/noivado que tive, a química deixou de existir... que a pessoa nao mexia comigo... que eu nao mexia com ela... q a única coisa que tínhamos de verdade era a amizade, o desejo de compartilhar assuntos, eu acabei findando o namoro... Mas joguei limpo, abri o coração.. Sofri também e muito...

Mas anos depois, Nayelly Nascimento me agradeceu muito... Pois, segundo dela, não fui egocêntrico e dei a ela a chance de ser feliz e de fazer outras pessoas felizes...

Mas eu chego lá... Meu erro foi que eu esperei algo A MAIS... Um encontro, um retorno ao lado mais "homem", se é que me entende...

Não sei como ajo nesse sentido... Se vou pra cama com minha ex, se saio com alguma moça que me "atacar" ou se procuro `apoio profissional"...

Meu corpo começa a pedir... São mais de 2 anos... Todavia, não importa qual das 3 opçoes eu escolha, seria em vc q estaria pensando... querendo, desejando... Por isso adio tanto isso, mesmo q tenha dias que eu quase suba nas paredes...

Penso em sua dificuldade também... Acho tão grandes quanto às minhas... Imagino que deve ser complicado não sentir desejo, não querer beijar uma pessoa... Que relação se sustenta sem essa parte também??? É imposível o cara não notar. Não almejar.

Isso que não se encaixa em minha cabeça e acaba fazendo com que eu pense muito e não chegue à conclusão alguma...

` ...será que vale a pena pagar um preço tão grande apenas por não desejar se sentir sozinho? Não sei ...talvez essa seja a pergunta que devo fazer a mim mesma... (JSG) `: Exatamente, não aceito o convite, por mais cômodo que seja, exatamente pelas minhas experiências de sofrimento e de alegrias passadas nestes anos todos...

Buscar a felicidade é ousar... Correr riscos, cair e levantar... Se preciso for...

Também tive um relacionamento de anos. Um casamento e com 1 filho que tanto amo! Mas não quis ser injusto... Nem de longe...

Acalmar a mente e aquietar o coração quando se está só é MAIS DIFÍCIL... Impossível? Não.

Estou aqui... Exatamente com antes de 04/01/10... Não ganhei... Não perdi...

Evolui, transformei-me... Fiquei mais maduro ainda...

Mesmo que sentimental como sempre...

Desculpe qualquer coisa...

E tem momentos que me sinto mal por ter te causado tanto mal estar... Devia ter permanecido na sombra... Mas acabei querendo aparecer, me revelar...

Fui tolo...

Beijos de um ex-poeta...



Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui