Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
130 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 56254 )
Cartas ( 21113)
Contos (12465)
Cordel (9813)
Crônicas (21743)
Discursos (3121)
Ensaios - (9964)
Erótico (13194)
Frases (41312)
Humor (17661)
Infantil (3600)
Infanto Juvenil (2327)
Letras de Música (5443)
Peça de Teatro (1312)
Poesias (136788)
Redação (2885)
Roteiro de Filme ou Novela (1048)
Teses / Monologos (2379)
Textos Jurídicos (1916)
Textos Religiosos/Sermões (4466)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Crônicas-->Leitura do dia no Mosteiro Bidiônico -- 16/01/2018 - 08:04 (Padre Bidião) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos

Mosteiro Bidiônico

Leitura do dia: A Subserviência de um Polvo Calhado...

Brasileiro é um povo extremamente sofrido e ao mesmo tempo, carente e acolhedor. O que o torna alvo fácil de políticos que utilizam de má fé. Fomos ao longo de nossa história, sendo controlados por uma ditadura militar que nos faz pensar em tudo como rendido à nossa propriedade particular. Passamos então, a tratar a todos como político, nosso cantor, nosso ator, enfim, infinitos NOSSO.
Para ilustrar bem essa situação, passemos a apreciação de um testemunho:
Lá no morro da macacada no apilado Pilar,terra do Humanista Artur Ramos e dos Bagres, dera bode! Padre Bidiao tem observado que alguns humananimais tem demonstrado uma bajulação assustadora, e viu e ouviu uma Senhora até de uma família que no passado administrou posses na terra do Santo Bode Frederico, mas está encantada pela política do umbigo dela, na acomodação de seus aderentes, chapéu de palha na cabeça e verbo ao vento contrário à Manguaba, nossa Lagoa, mãe da nossa gente comum que não fecha as portas para o nosso Torrão. E lá vociferou a funcionária pública rendendo homenagem a seu patrão! Meu Senador, não é calhada na voz dela. Assustara o cachaceiro de codinome BDH. Acredito que deva ter sido o nome de um veneno mas fora batizado assim esse infeliz, respondera na força da aguardente! Dona Mangabeira, eu pensei que esse Senador citado pela senhorinha fosse da margem mas como pertence a Senhora, então minha conterrânea rogai por nós diante do vosso senhor, recorremos a voz.

Paz na terra aos Bichos de boa vontade...

O Cordeiro apilado que pague o pecado das Alagoas...

Vai a Paz

Padre Bidiao
Comentários

O que você achou deste texto?       Nome:     Mail:    

Comente: 
Informe o código de segurança:          CAPTCHA Image                              

De sua nota para este Texto Perfil do Autor Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui