Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
56 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 56299 )
Cartas ( 21150)
Contos (12562)
Cordel (9930)
Crônicas (22048)
Discursos (3130)
Ensaios - (9088)
Erótico (13314)
Frases (42731)
Humor (18163)
Infantil (3686)
Infanto Juvenil (2480)
Letras de Música (5460)
Peça de Teatro (1315)
Poesias (137613)
Redação (2901)
Roteiro de Filme ou Novela (1050)
Teses / Monologos (2384)
Textos Jurídicos (1918)
Textos Religiosos/Sermões (4588)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Crônicas-->O meu eu antigo -- 11/04/2018 - 18:44 (José Ronald Cavalcante Soares) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
Andei procurando o meu eu antigo...Passeei pela rua onde os meus primeiros sonhos juvenis floresceram e quando havia ainda tanta gente povoando os meus dias, cadeiras nas calçadas, cidade tranquila, a igrejinhja de São Benedito, a voz potente do Padre Pedro cantando o hino da Semana Eucarística: "Fortaleza se enche de glória...". Os amigos de infância, a bola de meia, as mentiras para enaltecer os acontecimentos de nossas vidas tão simples. E fui indo passado afora, as mãos delicadas de minha avó nos meus cabelos, as sessões de cinema no Cine Cetro, o colégio, a eucaristia, meus pais, os meus primos, as férias, a volta às aulas, o natal, as lapinhas...E volto aos dias de hoje, tão repidantes, tão violentos, as pessoas matando cruelmente, barbaramente...E a cidade crescendo desenfreadamente, perdendo o seu recato, o seu provincianismo a sua humanidade.
Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui