Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
49 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 56388 )
Cartas ( 21117)
Contos (12482)
Cordel (9833)
Crônicas (21786)
Discursos (3122)
Ensaios - (9975)
Erótico (13197)
Frases (41435)
Humor (17685)
Infantil (3603)
Infanto Juvenil (2328)
Letras de Música (5445)
Peça de Teatro (1312)
Poesias (136898)
Redação (2885)
Roteiro de Filme ou Novela (1048)
Teses / Monologos (2381)
Textos Jurídicos (1917)
Textos Religiosos/Sermões (4473)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Crônicas-->Nossos amiguinhos -- 09/09/2018 - 09:43 (Padre Bidião) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
Nossos amiguinhos

Domingo de um feriadão e lá saíram bem cedinho, os nossos amiguinhos. Lá de cima, eles nos avistam e encaram a maior brisa que ao chagar cá embaixo, perde a força. Saíram e foram em busca de outras passarinhadas no cantarolar da inauguração do dia. Cá embaixo, a visão só alcança o lar de ninho que aguarda o retorno dos que foram em busca de novos horizontes na perpendicularidade do chão batido e apilado no coração do que espera um dia, alçar outros vôos. Voa passarinho, voa e vai em busca da brisa, que brisa! Voa coração, voa e abafa esse pranto de saudade guardado no canto da vida para dar passagem a novos sonhos. Com encantos sem cantos, com inclusão onde sempre haverá espaço para todos os pássaros dessa vida efêmera carente de vida.
Comentários

O que você achou deste texto?       Nome:     Mail:    

Comente: 
Informe o código de segurança:          CAPTCHA Image                              

De sua nota para este Texto Perfil do Autor Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui