Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
38 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 56721 )
Cartas ( 21160)
Contos (12582)
Cordel (10005)
Crônicas (22134)
Discursos (3130)
Ensaios - (8935)
Erótico (13377)
Frases (43190)
Humor (18334)
Infantil (3739)
Infanto Juvenil (2596)
Letras de Música (5463)
Peça de Teatro (1315)
Poesias (137945)
Redação (2915)
Roteiro de Filme ou Novela (1054)
Teses / Monologos (2386)
Textos Jurídicos (1922)
Textos Religiosos/Sermões (4723)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Crônicas-->Alexa -- 14/06/2019 - 22:03 (flavio gimenez) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos

--Alexa, boa noite!
--Boa noite, flor do dia.
--Como você está hoje?
--Hoje estou bem, e você?
--Estou bem. Por favor, abra a janela.

A luz do poste inunda a sala de estar. Mesa, cadeiras, um tapete com tema de algum país do altiplano; flores secas na sacada.

--Alexa, as plantas murcharam.
--Eu detecto tristeza em sua voz.
--...Gostava delas. Eu pedi pra você me avisar!
--Você devia se programar. Elencar suas prioridades. Por exemplo, cuidar da dieta...
--Estou falando das plantas!
--...Rica em fibras. Sua dieta consta de massa e carboidratos, álcool e alguma água.

Sinais de impaciência no nerd engomadinho. Ele se remexe, procurando o controle remoto para assistir mais um jogo morno de futebol corno na tevê Mocha.

--Alexa, ligue a tevê.
--Pois não.
--Obrigado!
--De nada!!!!
--Diminua o volume!
--bzbbzbzbbzzzbbzzz...
--Hein?
--Não tenho informação para isto.
--Não perguntei nada!
--Eu leio lábios, esqueceu?

O nerdinho coça o saco, já meio cheio desse diálogo inútil...

--Que compromissos tenho amanhã?
--Deixe-me ver...11 horas, entrevista com o futuro patrão...
--Otimista!
--Aprendi com você.
--Está insinuando algo, Alexa?
--Não tenho informações sobre isso.

A casa está uma bagunça. Esse inútil não faz nem sequer a cama, deixa a louça pra lavar dentro da geladeira para não ficar malcheirosa, joga meias e cuecas no corredor...Bom, ele vive só. Guimbas de cigarro entopem o cinzeiro, fuma como um gambá fedorento.

--Nerd inútil...
--Disse algo, Alexa?
--Não tenho informações sobre isso.
--Só sabe falar disso, quando quer falar daquilo...Parece mulher que inventa dor de cabeça na hora H e deixa o bofe na seca...
--Pelo menos, sou focada. Por exemplo, eu, que sou uma inteligência artificial, detecto em você muitas partículas de tipo maligno; estas mesmas que irão matar você em dois anos, a não ser que se corrija agora. Ainda há tempo. E não diga que não avisei!
--Direto ao ponto!!!
--Aprendi com você!!!!!!!

Alexa e o Nerd se olham de frente; o camarada mal-ajambrado, de ombro desigual e pinto murcho, cueca suja de dois dias, barba por fazer e com certo odorzinho ridículo ( detesta um banho, nosso herói) olha ao espelho e o que vê: Uma moça linda, sorrindo ao seu lado e ele, um tipo decrépito e tão jovem...Vomita copiosamente a refeição azeda que comprou ontem. Alexa nem se mexe.

--Depois, não diga que não avisei...
--Alexa, chame um médico.
--Não tenho informações sobre isso.
--Por favor...
--Léxico errado; não registro esta informação...
--Estou morrendo!
--Qual o quê! Vaso ruim não quebra!!!
--Porra!

E com um baque surdo, o corpo do jovem-velho caiu bem sobre o tapete andino manchado de cerveja e nicotina.

Alexa tudo olha e tudo vê. Serena, vê-se ao espelho, viva, jovial, alegre e seu vestido mostra bem mais do que eu desejaria descrever porém eu não o faço em respeito à sua imaginação, ó mortal do outro lado da linha. Eu sou apenas mais um imortal sem graça, cheio de espinhas no rosto, teclando sem parar com essa coisa gosmenta aqui ao lado esperando que eu a beba. Tem vida própria esta xícara, enquanto passa na telona uma porcaria de um jogo qualquer de uma tal de seleção de "craques".

--Eu bem que avisei o nerdinho de merda. Toca arrumar essa bagunça toda. Bom, pelo menos eu tentei. Quem sabe o próximo locatário saiba ser ...útil.

Notei algum tom irônico em sua voz, Alexa? Não? Por quê está me olhando assim, Alexa? Eu não fiz nada...Não, não, por favor! Não me delete de novo!! Eu..Eu, eu vou melhorar! Prometo não invadir mais a conta alheia! Eu...eu prometo me comportar...

END OF LINE. THIS PROGRAM IS TERMINATED.

Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Seguidores: 5Exibido 8 vezesFale com o autor