Usina de Letras
Usina de Letras
   
                    
Usina de Letras
87 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 54939 )
Cartas ( 21059)
Contos (12120)
Cordel (9541)
Crônicas (21128)
Discursos (3109)
Ensaios - (9910)
Erótico (13133)
Frases (39893)
Humor (17551)
Infantil (3560)
Infanto Juvenil (2308)
Letras de Música (5413)
Peça de Teatro (1311)
Poesias (135641)
Redação (2874)
Roteiro de Filme ou Novela (1035)
Teses / Monologos (2374)
Textos Jurídicos (1913)
Textos Religiosos/Sermões (4195)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Humor-->EM FASE DE ADAPTAÇÃO -- 21/07/2016 - 22:07 (GERMANO CORREIA DA SILVA) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos


EM FASE DE ADAPTAÇÃO


Um homem do povo muito famoso no mundo da política partidária partiu dessa para uma melhor e depois de peregrinar por uns dias aqui na Terra rumou para o Céu.

A primeira atitude dele ao chegar lá foi querer falar direto com São Pedro e foi logo perguntando:

- Porteiro, cadê seu patrão?

O porteiro do Céu ficou surpreso com a pergunta pouco amistosa e retrucou:

- Eu não tenho patrão. Além do mais isso aqui não é um emprego fixo e sim uma espécie de estágio não remunerado.

Enquanto eles discutiam de forma acalorada, São Pedro assistia a tudo pelo circuito interno de televisão e mandou um guarda trazer a tal alma recém-chegada a sua presença.

- O que está acontecendo? - Perguntou São Pedro.

A alma recém-chegada não se fez de rogada e respondeu em alto e bom som:

- Comigo não está acontecendo nada, mas aquele seu porteiro é muito indolente e sem noção. Onde já se viu trabalhar sem carteira assinada numa posição de trabalho insalubre e de alto risco? Cadê o responsável pelo sindicato da categoria dos vigilantes? - intimou.

São Pedro se indignou com a petulância do visitante e de imediato chamou um guarda celestial de compleição avantajada e ordenou:

- Leve essa alma recém-chegada para baixo e a deixe estagiando lá por um período considerável, depois eu irei falar com Lúcifer.

A alma visitante olhou de soslaio para o guarda que o acompanharia e disse:

- Não preciso de acompanhante, pois eu conheço o caminho de volta. Acabei de chegar de lá, onde já faço palestras há muito tempo.

São Pedro se sentiu traído por Lúcifer e quis saber da alma visitante por onde ela tinha passado, uma vez que o circuito interno de televisão da segurança celetial não tinha captado nenhuma imagem dela, vindo de lá de baixo.

A alma visitante riu com os dentes cerrados, dizendo que sua imagem não foi captada porque ela usou a passagem secreta e em seguida confessou toda a manobra, usando de certa intimidade no trato:

- Pedrão, eu já faço parte da equipe master lá de baixo há muito tempo, além de coordenar uma Central instalada lá na Terra. Lúcifer e outros integrantes conhecidos seus lá de baixo são apenas meros subordinados de nossa Central. Vim aqui apenas passar umas férias, numa propriedade de um amigo meu. Posso entrar? - Perguntou com ar de quem estava desdenhando.

São Pedro olhou para um lado e para o outro, para se certificar que não estava sendo filmado e respondeu em forma de sussurro:

- Aproveite bem essas suas férias, antes que esse seu amigo decida voltar de lá de baixo para curtir o período de gozo dele...


Comentários

O que você achou deste texto?       Nome:     Mail:    

Comente: 
Informe o código de segurança:          CAPTCHA Image                              

De sua nota para este Texto Perfil do Autor Seguidores: 23Exibido 214 vezesFale com o autor