Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
125 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 57013 )
Cartas ( 21138)
Contos (12542)
Cordel (9893)
Crônicas (21963)
Discursos (3125)
Ensaios - (10050)
Erótico (13234)
Frases (42165)
Humor (17908)
Infantil (3631)
Infanto Juvenil (2384)
Letras de Música (5453)
Peça de Teatro (1313)
Poesias (137356)
Redação (2894)
Roteiro de Filme ou Novela (1050)
Teses / Monologos (2382)
Textos Jurídicos (1918)
Textos Religiosos/Sermões (4542)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Teses_Monologos-->FARDO PESADO -- 16/04/2012 - 22:14 (Edmar Guedes Corrêa****) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos

Ao depararmos com o fato de que vamos morrer e portanto desaparecer para sempre somos levados inevitavelmente a não aceitar tal coisa. E de uma forma irracional e instintiva até, procuramos afastar tal fato, transformando-o muitas vezes numa possibilidade quase remota. Como? Através da religião e na crença da imortalidade da alma. O corpo perecerá inegavelmente. Mas o que é o corpo diante da grandeza da alma? A alma é o que carrega o nosso eu e com ele estamos preservados para sempre. Assim pensa todo aquele que não tem coragem suficiente para admitir o seu ocaso e o fato de que não passa de um grão de areia. E a crença na “alma”, cuja origem remota ao mundo “sensível” e “inteligível” de Platão, penetrou de tal forna na cultura ocidental que mesmo aqueles que professam outras religiões, cujo conceito cristão de “alma” é incompatível, ainda são contaminados por essa “certeza absoluta”. Talvez pôr em xeque essa “certeza” seja um fardo pesado demais.


ENCONTRE-ME TAMBÉM:
NO ORKUT
NO FACEBOOK
TWITTER
NO MEU BLOG




LEIA TAMBÉM:
APARÊNCIAS
EU VAGUEIO PELA VIDA
DIVAGANDO EM ALTO MAR
UM INIMIGO CRUEL
PENSAMENTOS TENPESTUOSOS(2)
O TOTALITARISMO E A CRIATIVIDADE
UM SONHO DISTANTE
TALVEZ A VIDA SEJA ASSIM
UM SIM À VIDA
A CULTURA NO LIXO
OS PENSAMENTOS FLUEM
A VIDA É UM FAGMENTO
A VIDA É UM FARDO LEVE
PENSAMENTOS TENPESTUOSOS(1)
A LEVEZA DA DANÇA
Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui