Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
23 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 56589 )
Cartas ( 21157)
Contos (12595)
Cordel (9988)
Crônicas (22114)
Discursos (3130)
Ensaios - (8904)
Erótico (13337)
Frases (43008)
Humor (18284)
Infantil (3717)
Infanto Juvenil (2551)
Letras de Música (5461)
Peça de Teatro (1315)
Poesias (137837)
Redação (2909)
Roteiro de Filme ou Novela (1054)
Teses / Monologos (2386)
Textos Jurídicos (1921)
Textos Religiosos/Sermões (4641)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Infanto_Juvenil-->MORRER DE AMOR -- 01/06/2016 - 09:07 (Edmar Guedes Corrêa****) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
Ele é a luz que clareia
Cada um dos devaneios
Que sempre me incendeia
A alma e o entre seios

Ele é uma perdição
Na qual quero danar
O meu futuro. E então
Morrer de tanto amar

Pois o amor que incendeia
Satisfaz os anseios
De quem não titubeia
Ao ocaso. E sem rodeios

Entrega-se à paixão
Porque viver é amar
E o amor é uma razão
Pra morte se entregar


ENCONTRE-ME TAMBÉM:
NO TUMBLR
NO FACEBOOK
TWITTER
NO MEU BLOG
NO RECANTO DAS LETRAS


LEIA TAMBÉM:
SER MÃE É SER MAIS QUE ARTISTA
O DESTINO LEVOU-ME A SAUDADE
NÃO VIVO SÓ DE SONHOS
PRISIONEIRO DESSE LEITO
O NADA DEPOIS
O INTENSO PULSAR
GOSTO PECULIAR
MINHA ALMA POR TI DOMADA
A FALTA DE UM “POR QUÊ?
A MAIS INSOLÚVEL QUESTÃO
NÃO TE QUERO MAIS
VOCÊ ME FEZ DE IDIOTA
UMA JOIA RARA
A DESCOBERTA DO AMOR
DIANTE DE TI, MINHA ALMA CALA
QUANDO A PAIXÃO É DESENFREADA
O DESPERTAR DO AMOR
CLARA LEMBRANÇA
SEJA ALGUÉM MELHOR
INOCÊNCIA PERDIDA
A MAIS BELA AURORA

NÃO DEIXE DE LER: 30 TEXTOS MAIS LIDOS DA USINA NOS ÚLTIMOS 6 MESES
Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui