Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
92 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 56323 )
Cartas ( 21150)
Contos (12564)
Cordel (9932)
Crônicas (22051)
Discursos (3130)
Ensaios - (9101)
Erótico (13318)
Frases (42757)
Humor (18172)
Infantil (3689)
Infanto Juvenil (2487)
Letras de Música (5460)
Peça de Teatro (1315)
Poesias (137630)
Redação (2904)
Roteiro de Filme ou Novela (1050)
Teses / Monologos (2384)
Textos Jurídicos (1918)
Textos Religiosos/Sermões (4591)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Discursos-->Encontro Arão S. de Medeiros, parentes e convidados especiai -- 13/02/2019 - 09:30 (AROLDO A MEDEIROS) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
Encontro Arão S. de Medeiros, parentes e convidados especiais 2018

Aroldo Arão de Medeiros

Bom dia a todos.
Em nome dos filhos do seo Arão, queremos agradecer a presença de todos.
Temos além de filhos, filhas, netos, netas, bisnetos. Bisnetas, genros, noras e alguns convidados especiais que já fazem parte de nossa família.
Não esqueçamos das esposas e dos esposos dos netos e netas que esperamos, alegrarem-se com esse ambiente acolhedor.
Os que não puderam vir, sentimos muito. Aos que não apareceram, perderam uma oportunidade de se irmanarem.
Falar algumas palavras sobre meu pai, desculpem irmãos, nosso pai, é fácil e difícil ao mesmo tempo. Fácil porque ele é o máximo e faz de tudo para manter a família sempre unida. Difícil porque se fôssemos elencar todas as qualidades, ficaríamos a manhã toda escutando um blá-blá-blá, enfadonho, pois todos conhecemos suas qualidades.
Ele, para nossa alegria, já está planejando o encontro do ano que vem.
Citaremos algumas palavras do padre Zezinho (cantor).

“Que nenhuma família termine por falta de amor”.
“Que os filhos conheçam a força que tem o amor”.
“Abençoe, Senhor, as famílias! Amém!
Abençoa, Senhor, a minha também”.
“Que o homem carregue nos ombros a graça de um pai.”
“Um sorriso e uma inocente brincadeira, faz a gente remoçar o coração”.
“Glória a Deus nas alturas. Paz na terra aos homens de boa vontade”.
“Já fomos bem mais fraternos. E mais vizinhos e amigos. E muito mais solidários. Já não somos o mesmo país”.

Depois dessas frases retiradas de músicas do Padre Zezinho, quando tivermos tempo, reflitamos e seremos mais ricos em solidariedade, amor próprio, amor ao próximo e uma família mais unida.
Pai, pedimos perdão se algum dia nós o fizemos chorar, mas não foi esta a nossa intenção.
Queremos olhar para o senhor e ver um sorriso. Não precisa ser igual a última gargalhada que o senhor soltou.
Pai, nós todos te amamos.


Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Seguidores: 11Exibido 65 vezesFale com o autor