Usina de Letras
Usina de Letras
   
                    
Usina de Letras
72 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 55315 )
Cartas ( 21071)
Contos (12176)
Cordel (9605)
Crônicas (21332)
Discursos (3113)
Ensaios - (9920)
Erótico (13145)
Frases (40224)
Humor (17570)
Infantil (3576)
Infanto Juvenil (2310)
Letras de Música (5418)
Peça de Teatro (1311)
Poesias (135942)
Redação (2881)
Roteiro de Filme ou Novela (1035)
Teses / Monologos (2375)
Textos Jurídicos (1913)
Textos Religiosos/Sermões (4238)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Infantil-->PÉ NO BOLO E O RELATÓRIO ESCOLAR -- 23/07/2009 - 13:16 (GERMANO CORREIA DA SILVA) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos

PÉ NO BOLO E O RELATÓRIO ESCOLAR
(Por Germano Correia da Silva)

O garoto Pé no Bolo mora com os seus pais e irmãos na Vila Macambiras, próximo à comunidade rural denominada Cafundós de Judas. Não obstante tratar-se de uma criança traquina, ele é muito benquisto na sua comunidade e em algumas comunidades vizinhas.

Ultimamente, os pais dele têm trabalhado todos os dias da semana na economia informal com o intuito de prover de forma sofrível o sustento da sua pequena prole.

Lá em Cafundós de Judas há muitos pais desempregados, inúmeras crianças que estudam precariamente, além da permanência de algumas delas vivendo parte de seu tempo nas praças.

De uns tempos para cá, Pé no Bolo tem estado bastante radiante e não cabe dentro de si de tanta alegria. Isso se deve ao fato de ele ter recebido um convite de sua professora da disciplina de estudos sociais para ir visitar duas escolas situadas em comunidades carentes de dois bairros distintos, situados na periferia da capital do estado onde ele nasceu.

A visita fez parte de um projeto pedagógico criado pelos professores das escolas de sua comunidade. A intenção era mostrar para os alunos que frequentam as salas de aulas das escolas do interior, as diferenças estruturais existentes entre uma região e outra.

Como forma de desenvolver o raciocínio e o senso de observação dos alunos a respeito dos pontos visitados, os professores os orientaram a fazer um pequeno relatório. Ali, cada aluno deveria citar, de forma sucinta, aquilo que mais lhes chamou a atenção durante a visita realizada e para surpresa da sua professora Pé no Bolo foi o único aluno a fazer dois relatórios distintos.

No primeiro, que ele o intitulou de “Aquilo que vi na escola”, ele mencionou os detalhes de algumas atividades dos alunos em salas de aula. No outro, um pouco mais extenso, cujo título dado foi “Aquilo que vi fora da escola” ele contou o que viu na cidade, principalmente sobre o comportamento das crianças que estavam perambulando nas ruas e encerrou sua atividade “extra” com uma frase de apelo muito curiosa:

- Meu Deus, onde moram e com quem dormem essas crianças que perambulam pelas ruas e que não vão para a escola?

Comentários

O que você achou deste texto?       Nome:     Mail:    

Comente: 
Informe o código de segurança:          CAPTCHA Image                              

De sua nota para este Texto Perfil do Autor Seguidores: 22Exibido 1473 vezesFale com o autor