Usina de Letras
Usina de Letras
   
                    
Usina de Letras
54 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 54786 )
Cartas ( 21052)
Contos (12083)
Cordel (9480)
Crônicas (21040)
Discursos (3104)
Ensaios - (9893)
Erótico (13117)
Frases (39763)
Humor (17540)
Infantil (3558)
Infanto Juvenil (2307)
Letras de Música (5410)
Peça de Teatro (1309)
Poesias (135496)
Redação (2869)
Roteiro de Filme ou Novela (1034)
Teses / Monologos (2371)
Textos Jurídicos (1913)
Textos Religiosos/Sermões (4164)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Frases-->CIDADÃO NUMERAL. -- 07/11/2010 - 13:29 (Ana Zélia da Silva) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
CIDADÃO NUMERAL.

Ana Zélia.

O que somos nós seres mortais?
Cidadão de papel. Documentados desde o nascimento até o Atestado de óbito.
Cidadão numeral. A cada papel dado, um número é computado.

Na certidão, na chamada escolar, na Carteira de Identidade, CPF, Carteira de Trabalho, conta bancária, Atestado de Óbito e finalmente um último na sepultura.

Por que o nome que recebemos? Ele não poderia ser escolhido mais adiante pela própria pessoa que o carregará a vida inteira, até pós-morte?
Para alguns até que vale o nome. Outros, o sobrenome diz tudo, fecha ou abre portas, mesmo aqueles com ferrugem nas travas. E até repetem séculos sem fim.

Cidadão numeral, sem nome, sem retrato falado.
Os números só servem para contabilizar as estatísticas, somos mais um em muitos.

Reflitamos!

Manaus, 07.11.2010xxxxxxxxxxxx

Comentários

O que você achou deste texto?       Nome:     Mail:    

Comente: 
Informe o código de segurança:          CAPTCHA Image                              

De sua nota para este Texto Perfil do Autor Seguidores: 25Exibido 306 vezesFale com o autor