Usina de Letras
Usina de Letras
   
                    
Usina de Letras
53 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 54786 )
Cartas ( 21052)
Contos (12083)
Cordel (9480)
Crônicas (21040)
Discursos (3104)
Ensaios - (9893)
Erótico (13117)
Frases (39763)
Humor (17540)
Infantil (3558)
Infanto Juvenil (2307)
Letras de Música (5410)
Peça de Teatro (1309)
Poesias (135496)
Redação (2869)
Roteiro de Filme ou Novela (1034)
Teses / Monologos (2371)
Textos Jurídicos (1913)
Textos Religiosos/Sermões (4164)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Frases-->AS CURVAS DO TEMPO. -- 04/07/2011 - 15:20 (Ana Zélia da Silva) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos

AS CURVAS DO TEMPO.
Ana Zélia

Ultrapassei a antiga linha de chegada.
Seis décadas, potência 6.7...

Me curvo ao tempo ou consegui enganá-lo?
Olho meu corpo; curvado, começa a reduzir a metragem.
São centímetros que se vão.

Nas costas me igualo ao Arco do triunfo,
à corcova dos dromedários.
Foram quedas de pontes, paneiros de mandiocas ladeiras
à cima, manejo de enxadas, machado.
Os olhos continuam misteriosos como a "Esfinge", ora
esverdeado como as esmeraldas, ou amarelo como as águas
barrentas do grande Amazonas.
A mulher fenece, resta-lhe os fantasmas cruzados na caminhada.

Casamento falido, amores platônicos, destruidos pela força
incontrolável da guerreira que não teme os vendavais da vida.
xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx
Manaus, 04.07.2011 (Ana Zélia)

Comentários

O que você achou deste texto?       Nome:     Mail:    

Comente: 
Informe o código de segurança:          CAPTCHA Image                              

De sua nota para este Texto Perfil do Autor Seguidores: 25Exibido 320 vezesFale com o autor