Usina de Letras
Usina de Letras
   
                    
Usina de Letras
72 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 54806 )
Cartas ( 21052)
Contos (12086)
Cordel (9484)
Crônicas (21045)
Discursos (3105)
Ensaios - (9892)
Erótico (13118)
Frases (39762)
Humor (17540)
Infantil (3559)
Infanto Juvenil (2307)
Letras de Música (5410)
Peça de Teatro (1309)
Poesias (135479)
Redação (2869)
Roteiro de Filme ou Novela (1034)
Teses / Monologos (2371)
Textos Jurídicos (1913)
Textos Religiosos/Sermões (4164)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Textos_Jurídicos-->O SALÁRIO NA CADEIA -- 26/03/2010 - 08:53 (Armando A. C. Garcia) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
Número do Registro de Direito Autoral:131005781836548500

O SALÁRIO NA CADEIA

Ganham mais na cadeia os bandidos presos
Que honestos trabalhadores a labutar
O auxílio-reclusão é de setecentos e dez
E o salário mínimo quinhentos e dez

O Dédalo da lei, cheio de venenos
Blasfema da sociedade que vivemos
Ao contemplar o facínora, a fera
Deixa ao desamparo a vítima que fizera

Você pode tirar a dúvida no site
previdencia social conteúdo dinâmico
Não tem reajuste para os aposentados
Mas tem gordo salário para os safados

É um vaso cheio de venenos na estrada
Fantástica bandeira sem cor, sem mastro
Desfraldada em funerais e é bordada
No trilha do luto com sangue no rastro

Têm unhas polidas, no presente lugar
O trabalhador honesto, barriga vazia
Mãos calejadas, colchão de empalhar
Migalhas de pão aos filhos que cria

Que vil mutação o cenário redime
Aquele que trabalha expelindo suor
Tem paga menor que o preço do crime
Será que compensa ser trabalhador ?

São Paulo, 23/03/2010
Armando A. C. Garcia

Visite meu blog: http://brisadapoesia.blogspot.com 

E-mail: armandoacgarcia@superig.com.br
 

Comentários

O que você achou deste texto?       Nome:     Mail:    

Comente: 
Informe o código de segurança:          CAPTCHA Image                              

De sua nota para este Texto Perfil do Autor Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui