Usina de Letras
Usina de Letras
   
                    
Usina de Letras
85 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 55060 )
Cartas ( 21063)
Contos (12134)
Cordel (9568)
Crônicas (21229)
Discursos (3108)
Ensaios - (9913)
Erótico (13135)
Frases (39988)
Humor (17551)
Infantil (3562)
Infanto Juvenil (2309)
Letras de Música (5414)
Peça de Teatro (1311)
Poesias (135730)
Redação (2875)
Roteiro de Filme ou Novela (1035)
Teses / Monologos (2374)
Textos Jurídicos (1913)
Textos Religiosos/Sermões (4205)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Infantil-->Texto Para a Criança Perder o Medo do Escuro -- 09/03/2016 - 15:38 (Luciana do Rocio Mallon) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
Textos Para a Criança Perder o Medo do Escuro
Tenho recebido muitas mensagens de mães pedindo para que eu escreva crônicas que ajudem aos seus filhos a perderem o medo do escuro. Bem, os textos estão abaixo:
O Escuro Dialogando com o Seu Filho
Antes de declamar estes poemas, mostre uma cartolina negra e faça com que ela converse com a criança, como se fosse um tipo de fantoche, deste jeito:
Eu sou o escuro, mas o (nome da criança) não gosta de mim. Ele tem mania de acender a luz, para dormir, e com isto não deixa que eu me aproxime.
Apesar da minha cor escura, funciono como amigo. Pois sou primo do sono e do sonho. É bom lembrar que o sono faz com que o cérebro descanse, limpando as sujeiras dentro dele e liberando energia para aprender coisas novas e brincar.
Além disto, vou contar um segredo: é no escuro que os brinquedos criam vida e ficam mais motivados para brincar com as crianças no dia seguinte. Porém, os bonecos apenas se mexem quando os donos estão dormindo. Portanto, não adianta ficar acordado para ver estes brinquedos conversando entre eles.
Tem mais um segredo: nunca tenha medo que monstros e bruxas apareçam no escuro. Pois isto não acontece. Afinal é no escuro que os anjos e fadas aparecem e ficam cuidado do sono das crianças, sem permitirem que outras criaturas más se aproximem.
Outro Poema:
O Escuro
Eu sou o negro escuro
Porém não sou obscuro
Na noite quero estar contigo
Porque sou seu bom amigo

Sou primo do leve sono
Que é irmão do sonho
Faço sua mente descansar
Na magia do breve luar!

É no escuro que fadas e querubins
Surgem no quarto dos pequenos
Retirando os monstros e as bruxas ruins
Deixando os ambientes mais amenos.

Eu sou o escuro, me aceite, por favor
Faço parte da mãe natureza
Pois, à noite, trago beleza
Com uma energia de amor.
Luciana do Rocio Mallon

Comentários

O que você achou deste texto?       Nome:     Mail:    

Comente: 
Informe o código de segurança:          CAPTCHA Image                              

De sua nota para este Texto Perfil do Autor Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui