Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
65 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 56432 )
Cartas ( 21156)
Contos (12574)
Cordel (9959)
Crônicas (22082)
Discursos (3130)
Ensaios - (8873)
Erótico (13328)
Frases (42867)
Humor (18225)
Infantil (3700)
Infanto Juvenil (2514)
Letras de Música (5461)
Peça de Teatro (1315)
Poesias (137727)
Redação (2905)
Roteiro de Filme ou Novela (1051)
Teses / Monologos (2385)
Textos Jurídicos (1918)
Textos Religiosos/Sermões (4611)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Poesias-->Crianças -- 05/12/2002 - 14:32 (João Ferreira) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos












CRIANÇAS

Jan Muá

5 de dezembro de 2002





Eram simplesmente duas crianças.

Unidas pela inocência, pela mútua confiança e pela vida.

Num lindo jogo cheio de poesia.

Duas crianças que repetiam em seu espírito a entreajuda, os sonhos, as ternuras, a poesia, tranquilamente, sem loucuras.

Poesia sonhadora, afetiva, lunar!Mas autêntica.

Duas crianças praticando o jogo da sinceridade, da inocência e da verdade.

Carregando uma história onde o rosto era essencialmente solidariedade, paixão, amizade e poesia. Crianças! Mundo de verdade!





Jan Muá

5 de dezembro de 2002
Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Seguidores: 73Exibido 711 vezesFale com o autor