Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
30 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 56411 )
Cartas ( 21156)
Contos (12572)
Cordel (9941)
Crônicas (22079)
Discursos (3130)
Ensaios - (9116)
Erótico (13328)
Frases (42852)
Humor (18217)
Infantil (3699)
Infanto Juvenil (2511)
Letras de Música (5461)
Peça de Teatro (1315)
Poesias (137703)
Redação (2905)
Roteiro de Filme ou Novela (1051)
Teses / Monologos (2384)
Textos Jurídicos (1918)
Textos Religiosos/Sermões (4608)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Poesias-->GAIVOTAS EM TERRA -- 22/01/2003 - 21:02 (João Ferreira) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos




GAIVOTAS EM TERRA

Jan Muá

19 de janeiro de 2003







São graciosas e barulhentas

De plumas prateadas e arrumadas

Experientes marinheiras de muitas viagens!



No dia a dia vivem no embalo das ondas

Um esporte que praticam por familiaridade com o mar

Onde aguardam os cardumes de peixe para fisgar!



Quando a borrasca embravece o mar

E a agitada ventania e os bravos trovões incendeiam a maresia

Elas fecham a cara aos céus zangados e voam até à terra

Com o traje de aparente exílio nos bicos recurvados



Ficam tristes e fora de seu hábitat

Param nas rochas ou voam até às cidades

Lentas e arrastadas distribuindo-se pelos telhados e terraços urbanos

Aguardando as migalhas de mãos benfeitoras!



Quando, em outras horas, nas tardes costeiras,

O sol em declínio

Reflete seus raios nas prateadas águas do mar

E os cardumes passam velozes e rotineiros na rota da cadeia alimentar

São elas que os esperam em festivos e ruidosos vôos

Para sobre eles dispararem mergulhos certeiros e alvoroçados

de peritas e implacáveis pescadoras.





Jan Muá

19 de janeiro de 2003

























Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Seguidores: 73Exibido 711 vezesFale com o autor