Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
119 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 56956 )
Cartas ( 21165)
Contos (12585)
Cordel (10049)
Crônicas (22174)
Discursos (3133)
Ensaios - (8977)
Erótico (13390)
Frases (43479)
Humor (18424)
Infantil (3758)
Infanto Juvenil (2652)
Letras de Música (5466)
Peça de Teatro (1315)
Poesias (138142)
Redação (2919)
Roteiro de Filme ou Novela (1054)
Teses / Monologos (2400)
Textos Jurídicos (1924)
Textos Religiosos/Sermões (4822)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Artigos-->RÚSSIA, CHINA E O APOIO À SÍRIA -- 13/02/2012 - 18:36 (Edmar Guedes Corrêa****) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos


Quais são de fato o interesse da Rússia e China ao impedir que o Conselho de Segurança da ONU aprove uma resolução condenando a Síria pelo massacre de civis? O que realmente pode estar por trás disso? Acho que muitos estão se fazendo essa pergunta sem no entanto encontrar uma resposta satisfatória. De fato há tantos interesses em jogo que fica difícil determinar qual deles tenha pesado mais na decisão dos dois países em afrontar a comunidade internacional. Porém, é possível dizer que: 1) Tanto a Rússia quanto a China querem medir forças e dar um recado à comunidade internacional que não são relevantes só economicamente, mas podem barrar qualquer tentativa de atrapalhar seus interesses no Oriente Médio, ou seja: sem eles a ONU não pode fazer muita coisa; 2) Pelo mesmo motivo a Rússia quis mostrar que apesar de não ter o mesmo peso da Era Soviética, ainda pode se contrapor aos EUA; 3) Ambos querem evitar uma invasão da Síria pelos países do Ocidente e assim impedir que empresas americanas e europeias se apoderem do petróleo e dos contratos de exploração dos mesmos prejudicando seriamente as empresas russas; 4) A Síria é aliada do Irã e ao mesmo tempo um contrapeso a Israel, portanto a derrubada de Assad pode desestabilizar todo o Oriente Médio; 5) A Síria é grande compradora de armas da Rússia e até mesmo da China e a queda de Assad os fariam perder um grande cliente. Bem, citei apenas alguns dos motivos. O que fica bem claro é que em nenhum momento russos e chineses estão preocupados com a população síria. Aliás, o histórico desses dois países mostra que para seus governantes o povo é apenas um detalhe. Portanto não é novidade que tenham dado licença à Síria para matar.




ENCONTRE-ME TAMBÉM:

NO ORKUT

NO FACEBOOK

TWITTER

NO MEU BLOG




LEIA OUTROS ARTIGOS DO MESMO AUTOR:

O PT E AS ELEIÇÕES MUNICIPAIS

SAUDADES DA VELHA USINA

O QUE ESPERAR DE 2012?

UM POVO NUM MOMENTO DE INSANIDADE

POR QUE ALGUNS ODEIAM O GOVERNO DILMA

O MANDRIVA ENSINANDO O PINGUIM A VOAR

MAR DE LAMA

O PREÇO DA ALIANÇA ENTRE EUA E ISRAEL

A INTERNET E A REVOLUÇÃO NOS MEIOS DE COMUNICAÇÃO

LINUXSOCIALL: O LINUX TEM AGORA A SUA REDE

SALVE-SE QUEM PUDER

O PLEBISCITO DE 2005 E A TRAGÉDIA NO RIO

AS REVOLTAS POPULARES NO MUNDO ÁRABE

O TIRO NO PÉ DA NOKIA

IMPRESSÕES ACERCA DO SAMSUNG GALAXY TAB

O QUE ESPERAR DO GOVERNO DILMA?

O MORRO DO ALEMÃO E OS TRAFICANTES

A MENINA ÔNIBUS (RESUMO DA OBRA)

Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui