Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
37 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 56745 )
Cartas ( 21160)
Contos (12583)
Cordel (10007)
Crônicas (22137)
Discursos (3131)
Ensaios - (8939)
Erótico (13379)
Frases (43224)
Humor (18342)
Infantil (3740)
Infanto Juvenil (2603)
Letras de Música (5463)
Peça de Teatro (1315)
Poesias (137961)
Redação (2915)
Roteiro de Filme ou Novela (1053)
Teses / Monologos (2388)
Textos Jurídicos (1922)
Textos Religiosos/Sermões (4731)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Artigos-->SEM ETIQUETA, SEM PREÇO -- 30/04/2012 - 21:31 (valentina fraga) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
SEM ETIQUETA, SEM PREÇO



A NOTA É INTERNACIONAL E DIZ, MAIS OUMENOS ASSIM: AQUELA PODEIRA SER MAIS UMA MANHÃ COMO OUTRA QUALQUER.

UM SUJEITO DESCE NA ESTAÇÃO DE NOVAYORK, VESTINDO JEANS CAMISETA E BONÉ. ENCOSTA-SE PERTO À ENTRADA.

TIRA O VIOLINO DA CAIXA E COMEÇA ATOCARCOM ENTUSIASMO, PARA A MULTIDÃO QUE PASSA POR ALI, BEM NA HORA DO RUSHMATINAL.

MESMO ASSIM, DURANTE OS 45 MINUTOS QUETOCOU, FOI PRATICAMENTE IGNORADO PELOS PASSANTES.

NINGUÉM SABIA, MAS O MÚSICO ERA JOSHUABELL, UM DOS MAIORES VIOLINISTAS DO MUNDO, EXECUTANDO PEÇAS MUSICAISCONSAGRADAS,

NUM INSTRUMENTO RARISSIMO, UM STRADIVARIUSDE 1713, ESTIMADO EM 3 MILHÕES DE DÓLARES.

ALGUNS DIAS ANTES, BELL HAVIA TOCADONO SYNPHONY DE BOSTON, ONDE OS MELHORES LUGARES, CUSTAM A BAGATELADE MIL DOLARES.

A EXPERIÊNCIA NO METRÔ, GRAVADA EM VÍDEO,MOSTRA HOMENS E MULHERES DE ANDAR LIGEIRO, COPO DE CAFÉ NA MÃO, CELULARNO OUVIDO, CRACHÁ BALANÇANDO NO PESCOÇO, INDIFERENTE AO SOM DO VIOLINO.

A INICIATIVA REALIZADA PELO JORNAL THEWASHINGTON POST, ERA DE LANÇAR UM DEBATE SOBRE, VALOR, CONTEXTO E ARTE.

A CONCLUSÃO É DE QUE ESTAMOS ACOSTUMADOSA DAR VALOR ÀS COISAS, QUANDO ESTÃO NUM CONTEXTO.

BELL, NO METRÔ ERA UMA OBRA DE ARTESEM MOLDURA. UM ARTEFATO DE LUXO, SEM ETIQUETA DE GRIFE.

ESSE É MAIS UM EXEMPLO DAQUELAS TANTASSITUAÇÕES QUE ACONTECEM NA NOSSA VIDA.

QUE SÃO ÚNICAS, SINGULARES E QUE NÃODAMOS IMPORTÂNCIA PORQUE NÃO VEM COM ETIQUETA DE PREÇO.

AFINAL, O QUE TEM VALOR REAL PARA NÓS,INDEPENDENTE DE MARCAS, PREÇOS E GRIFES?

É O QUE O MERCADO DIZ QUE PODEMOS TER,SENTIR, VESTIR OU SER?

SERÁ QUE OS NOSSOS SENTIMENTOS E A NOSSAAPRECIAÇÃO DE BELEZA,

SÃO MANIPULADOS PELO MERCADO, PELA MÍDIA,E PELAS INSTITUIÇÕES QUE DETÊM O PODER FINANCEIRO?

SERÁ QUE ESTAMOS VALORIZANDO APENASAQUILO QUE TEM ETIQUETA DE PREÇO?

UMA EMPRESA DE CARTÕES DE CREDITO, VEMINVESTINDO A ALGUM TEMPO, EM PROPAGANDA, ONDE,

DEPOIS DE MOSTRAR VÁRIOS ITENS COM SEUSRESPECTIVOS PREÇOS, APRESENTA UMA CENA DE ALEGRIA

E AFETO E INFORMA : "NÃO TEM PREÇO".

É ISSO QUE PRECISAMOS APRENDER A VALORIZAR. AQUILO QUE NÃO TEM PREÇO PORQUE NÃO SE COMPRA.

NÃO SE COMPRA A AMIZADE, O AMOR A AFEIÇÃO. NÃO SE COMPRA DEDICAÇÃO, CARINHO, ABRAÇOS E BEIJOS.

NÃO SE COMPRA RAIOS DE SOL, NEM GOTASDE CHUVA. A CANÇÃO DO VENDO QUE PASSA SIBILANDO PELO

TRONCO OCO DE UMA ARVORE, É GRATIS.

A CRIANÇA QUE CORRE ESPONTÂNEA AO NOSSOENCONTRO, E SE PENDURA EM NOSSO PESCOÇO, NÃO TEM PREÇO.

O COLAR QUE ELA FAZ, CONTORNANDO-NOSO PESCOÇO, NÃO ESTÁ A VENDA EM NENHUMA JOALHERIA,

E O CALOR QUE TRANSMITE DURA O QUANTODURAR NOSSA LEMBRANÇA.

O AR QUE RESPIRAMOS, A BRISA QUE EMBARAÇANOSSO CABELO, O VERDE DAS ARVORES E O COLORIDO DAS FLORES,

NOS É DADO POR DEUS, GRATUITAMENTE.

PENSEMOS NISSO E APROVEITEMOS TUDO QUEESTÁ AO NOSSO ALCANCE, SEM PREÇO, SEM PATENTE REGISTRADA,

SEM ETIQUETA DE GRIFE.

USUFRUAMOS DOS MOMENTOS DE TERNURA QUEOS AMORES NOS OFERTAM, INTENSAMENTE, ENTENDENDO QUE

SEMPRE A MANIFESTAÇÃO DO AFETO É ÚNICA,EXTRAORDINÁRIA, ESPECIAL.

FIQUEMOS MAIS ATENTOS AO QUE NOS CERCA. SEJAMOS MAIS GRATOS AO QUE NOS É OFERTADO, E SEJAMOS FELIZES

DESDE HOJE, ENQUANTO O DIA NOS SORRI,E O SOL DESPEJA LUZ EM NOSSO CORAÇÃO APAIXONADO PELA VIDA.



AUTOR DESCONHECIDO.







Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui