Usina de Letras
Usina de Letras
   
                    
Usina de Letras
84 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 55323 )
Cartas ( 21071)
Contos (12178)
Cordel (9606)
Crônicas (21334)
Discursos (3113)
Ensaios - (9921)
Erótico (13145)
Frases (40233)
Humor (17570)
Infantil (3576)
Infanto Juvenil (2310)
Letras de Música (5419)
Peça de Teatro (1311)
Poesias (135947)
Redação (2881)
Roteiro de Filme ou Novela (1035)
Teses / Monologos (2375)
Textos Jurídicos (1913)
Textos Religiosos/Sermões (4238)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Artigos-->Venda o Produto Que Faz Sua Cliente Se Sentir Bem e Poupe Re -- 12/03/2017 - 15:03 (Luciana do Rocio Mallon) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
Venda o Produto Que Faz Sua Cliente Se Sentir Bem e Poupe Reclamações
Trabalhei mais dez anos, como vendedora, em lojas femininas do Centro de Curitiba e por isto aprendi que devemos vender somente produtos que fazem a cliente se sentir bem. Observem o que acontecia comigo: sempre que uma freguesa escolhia roupas, para ir ao provador, e depois se vestia com estas mesmas peças, ela me perguntava:
- Esta roupa orna com uma pessoa como eu?
Eu sempre retribuía com as seguintes palavras:
- A senhora se sente bem com este traje?
- Pois se a roupa traz uma sensação de conforto e beleza para quem está vestindo, ela se torna uma peça ideal para aquele corpo.
Notei que quando usava esta estratégia, nunca a cliente voltava arrependida para trocar a roupa comprada. O problema era que uma situação diferente ocorria com algumas de minhas colegas. Pois quando umas freguesas, experimentavam roupas e perguntavam às vendedoras se as peças ficaram boas, as balconistas respondiam que sim, somente com o objetivo de venderem rápido. Mas o resultado é que, algumas vezes, estas freguesas voltavam para trocar as roupas. Normalmente, os comentários das clientes eram estes:
- Vim trocar esta peça porque meu marido e filhos falaram que ficou ridícula em mim. Deve ser por isto que quando experimentei, no provador, notei que a roupa estava apertada e me senti mal.
- Preciso trocar este traje porque a cor não ficou bem em mim quando me olhei no espelho de casa. Afinal, nunca gostei de amarelo mesmo.
- Cheguei para trocar a blusa, pois notei que ela era muito aberta. A realidade é que não me sinto bem com nenhum tipo de decote ousado como este.
É possível notar acima que as vendedoras empurraram peças com as quais as clientes nunca se sentiriam à vontade.
Portanto, se você é uma profissional de comércio, quando a freguesa experimentar uma roupa e perguntar se ela teve um bom caimento, antes de tudo diga:
- A senhora se sente bem com este traje?
- Pois se a roupa traz uma sensação de conforto e beleza para quem está vestindo, ela se torna uma peça ideal para aquele corpo.
Pois, estas palavras evitam transtornos como trocas e reclamações. Afinal a cliente sempre busca uma roupa em que se sinta bem porque o conforto irradia beleza.
Luciana do Rocio Mallon






Comentários

O que você achou deste texto?       Nome:     Mail:    

Comente: 
Informe o código de segurança:          CAPTCHA Image                              

De sua nota para este Texto Perfil do Autor Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui