Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
34 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 56450 )
Cartas ( 21157)
Contos (12576)
Cordel (9976)
Crônicas (22085)
Discursos (3130)
Ensaios - (8876)
Erótico (13329)
Frases (42883)
Humor (18231)
Infantil (3704)
Infanto Juvenil (2520)
Letras de Música (5461)
Peça de Teatro (1315)
Poesias (137743)
Redação (2907)
Roteiro de Filme ou Novela (1051)
Teses / Monologos (2385)
Textos Jurídicos (1918)
Textos Religiosos/Sermões (4618)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Poesias-->APERITIVO DA NOITE -- 23/07/2003 - 23:21 (João Ferreira) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos




APERITIVO DA NOITE



Jan Muá

23 de julho de 2003



No alto da serra onde está minha choupana

Ouço na janela o bater compassado da neve



Está fria a noite

A lareira acesa expande seu calor

E eu me agasalho com minhas lãs

E tua lembrança

E pego da garrafeira a melhor marca de vinho

Para dignificar a taça em tua memória!



No aroma rústico das carnes frias de inverno

Expostas ao fumeiro

Escolho com base no gosto e no visual

O ideal aperitivo da noite!



Crio uma cena onde você é conviva

Com muitos olhares e gestos e palavras

E torno-te presente na lareira, no frio, no calor e na curtição



Tudo sem juras de amor

Só curtindo

De modo que haja você aqui de todas as maneiras



Uma cena em que eu e você

Perdidos entre nossos abraços e beijos

Poderemos criar o calor por nós desejado

Para com ele pagarmos as contas atrasadas

Das noites frias e indesejadas

De todas as choupanas do universo!



Jan Muá

23 de julho de 2003

Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Seguidores: 73Exibido 707 vezesFale com o autor