Usina de Letras
Usina de Letras
   
                    
Usina de Letras
82 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 55059 )
Cartas ( 21063)
Contos (12133)
Cordel (9565)
Crônicas (21228)
Discursos (3108)
Ensaios - (9913)
Erótico (13135)
Frases (39984)
Humor (17551)
Infantil (3562)
Infanto Juvenil (2309)
Letras de Música (5414)
Peça de Teatro (1311)
Poesias (135729)
Redação (2875)
Roteiro de Filme ou Novela (1035)
Teses / Monologos (2374)
Textos Jurídicos (1913)
Textos Religiosos/Sermões (4205)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Letras_de_Música-->Paródia da Música: Vou de Táxi da Angélica -- 30/05/2017 - 13:25 (Luciana do Rocio Mallon) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
Paródia da Música: Vou de Táxi da Angélica
Vou de táxi, você sabe
Não confio no UBER de verdade
Parte do dinheiro vai para o exterior
Eu amo meu Brasil com fé e amor!

Pela janela do meu quarto, ouço o protesto
Sinto pneus queimando em cheiro indigesto
É o pessoal querendo que o UBER, este aplicativo
Fique leve, livre e solto de um jeito ativo!

Mas eu prefiro um meio de transporte
Que seja seguro e mais tradicional
Pode usar GPS ou bússola do Norte
O importante é que seja honesto e legal

Só um táxi tem a cor alaranjada do Sol
Usando da forma correta e sensata o farol
Os taxistas tinham medo da loira-fantasma antigamente
Hoje, eles temem o UBER, a concorrência nada inocente
Vou de táxi, você sabe
Não confio no UBER de verdade
Parte do dinheiro vai para o exterior
Eu amo meu Brasil com fé e amor.
Luciana do Rocio Mallon


Comentários

O que você achou deste texto?       Nome:     Mail:    

Comente: 
Informe o código de segurança:          CAPTCHA Image                              

De sua nota para este Texto Perfil do Autor Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui