Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
99 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 56828 )
Cartas ( 21161)
Contos (12584)
Cordel (10014)
Crônicas (22151)
Discursos (3133)
Ensaios - (8956)
Erótico (13388)
Frases (43353)
Humor (18383)
Infantil (3751)
Infanto Juvenil (2630)
Letras de Música (5464)
Peça de Teatro (1315)
Poesias (138027)
Redação (2918)
Roteiro de Filme ou Novela (1053)
Teses / Monologos (2394)
Textos Jurídicos (1923)
Textos Religiosos/Sermões (4770)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Poesias-->A MAGIA DO CELULAR -- 15/02/2004 - 11:33 (João Ferreira) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos


A MAGIA DO CELULAR

Juan de la Ville





Já representou "status"

Alto poder aquisitivo

Hoje porém

É um objeto comum e popular

Pequenino

Sagaz

Eloqüente

Reizinho coroado no patamar das ondas acústicas



Tem magia

Espalha e recebe emoções

Leva notícias à corte

Às redações dos jornais

Às assembléias das repúblicas



Invade os mosteiros

As espiritualidades cristãs e tibetanas

As latitudes ocidentais e orientais

Os mares tropicais e glaciares

As montanhas e os campos



É objeto fantasioso nas mãos

Das namoradinhas de brinquinho na orelha

Comodidade e segurança

para as mamães

Que têm seus filhos no colégio

Ou no macdonalds ou no shopping

Na rua ou na boate



Amado e odiado

Tem seus fãs e seus opositores

Símbolo de prisão

E de libertação

Invasor da privacidade para uns

E ícone de praticidade para outros



Cumpre horários comerciais

Agenda compromissos

Transmite notícias da última hora

Opera com sagacidade

A qualquer hora



Como no amor

Há quem não viva sem ele

Entre a dialética do ter e do haver

Viver sem celular

Quem o pensaria???





Juan de la Ville

15 de fevereiro de 2004

Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Seguidores: 73Exibido 696 vezesFale com o autor